LG G6

A LG voltou a estar nas bocas do mundo ao ser uma das maiores estrelas da MWC a propósito do lançamento do seu novo flagship, o LG G6. A acentuada mudança de design e a ausência da Samsung neste evento de Barcelona veio ainda fomentar a curiosidade do público acerca do LG G6.

Praticamente sempre que é lançado um equipamento topo de gama das marcas mais conhecidas, existem vídeos na internet que metem à prova aquilo que uma determinada marca diz ser uma das mais-valias do equipamento em questão. E neste caso, o LG G6 passa no teste com alguma distinção, teste esse que consiste na tentativa de riscar o smartphone com uma faca (não, não é o desafio da faca quente, é uma faca normal).

   

Aproveita aqui os melhores descontos em Smartphones

Depois da marca ter salientado na apresentação que o LG G6 tinha um revestimento traseiro de vidro mas que o mesmo não era frágil como os outros equipamentos do mercado, o equipamento demonstra realmente ter alguma resistência. Na verdade, parece não riscar muito facilmente (ainda que seja com uma faca ligeiramente afiada). Estes resultados são conseguidos graças à protecção Gorilla Glass 5 que se encontra presente na traseira deste equipamento.

Se acompanhas as nossas LivePodcast´s, certamente te lembras que em algumas delas eu referi que a LG teria que realmente surpreender com o seu LG G6 para superar os maus resultados do anterior topo de gama. Ora, com os hands on que vão surgindo e com este tipo de testes, terá a LG realmente conseguido voltar a despertar o interesse do mundo? Na minha opinião, tem tudo para ser um sucesso mas só o tempo o dirá.

Outros assuntos relevantes

Apple iPhone mais problemáticos que dispositivos Android, conclui estudo

Meizu consegue carregamento completo da bateria em apenas 20 minutos

Nova geração do HP Elite X3 aparece acidentalmente na MWC 2017


Viaphonearena
FonteGadgety
Estudante de Direito e amante de tecnologia. Tudo o que é inovador na vida atrai-me (menos comida muito "fora do normal"). No meio tecnológico, aprecio particularmente smartphones, computadores e automóveis. Integrar a equipa da 4gnews começou por ser um desafio pessoal e agora é um orgulho coletivo.