Lei Jun explica os trunfos para a impressionante autonomia do Xiaomi 12S Ultra

Carlos Oliveira
Comentar

O Xiaomi 12S Ultra foi lançado recentemente e representa um dos mais ambiciosos produtos da tecnológica chinesa. O ênfase foi colocado nas suas capacidades fotográficas que, pela primeira vez, contou com a ajuda da Leica no desenvolvimento.

Mas não só de fotografia vive o Xiaomi 12S Ultra, sendo a sua bateria outro dos seus grandes trunfos. Aqueles que já tiveram contacto com este produto rapidamente se prontificaram a elogiar a autonomia da sua bateria.

Em resposta aos elogios tecidos pelos fãs, Lei Jun serviu-se das redes sociais para divulgar os principais trunfos da bateria do Xiaomi 12S Ultra. Em rigor, o executivo aponta o dedo aos chips Surge P1 e Surge G1 pelos excelentes resultados.

Xiaomi 12S Ultra conta com dois chips dedicados para desempenho da bateria

Segundo Lei Jun, "A duração da bateria do Xiaomi 12S Ultra é muito forte e também há crédito para os chips desenvolvidos pela Xiaomi: Xiaomi Pengpai P1 e Xiaomi Pengpai G1 (Surge P1 e Surge G1)."

Xiaomi 12S Ultra

Estes dois chips têm propósitos diferentes, mas o objetivo comum de levar a bateria do Xiaomi 12S Ultra para outro patamar. Com efeito, o Surge G1 foca a sua atividade na gestão da bateria.

Já o Surge C1 dedica esforços à gestão da tecnologia de carregamento rápido deste topo de gama Android. Em conjunto, estes dois componentes almejam aumentar a vida útil da bateria e a eficiência do seu carregamento.

O CEO da Xiaomi dá conta ainda da utilização de uma tecnologia habitualmente utilizada nos carros elétricos. Falamos do conceito BMS que conta com três grandes benefícios: prever com precisão o carregamento e vida útil da bateria, melhorar a segurança e saúde da bateria e melhorar a vida útil da bateria.

Não podemos excluir desta equação o processador Snapdragon 8+ Gen 1, ainda mais eficiente que o seu antecessor. Algo possível graças à utilização da litografia de 4nm da TSMC que oferece ganhos energéticos na ordem dos 30%.

Em síntese, temos um Xiaomi 12S Ultra com grandes trunfos quer na sua câmara fotográfica, quer na sua autonomia. Dados que cimentam a nossa frustração pelo facto de este modelo não ser comercializado fora da China.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.