Huawei revela como será o seu próximo dobrável através de uma patente

Carlos Oliveira
Comentar

Apesar de todos os contratempos que a Huawei tem tido nos últimos meses, o desenvolvimento do seu próximo dobrável não parece ter sido afetado. Rumores dão conta de que a chinesa irá seguir as pisadas da Samsung neste equipamento, ou seja, fazer o ecrã do dispositivo dobrar para dentro.

Embora, para já, não passem de rumores, a Huawei confirmou essa abordagem, ainda que indiretamente, através de uma patente. Nesse documento, a tecnológica revela-nos como será o seu próximo dobrável.

Este será o aspeto do Huawei Mate X2

Huawei Mate X2
Créditos: LetsGoDigital

Esta imagem, na qual podemos ver o possível aspeto do Huawei Mate X2, é parte de uma patente que a empresa submeteu em maio de 2019. Isto mostra que a ideia de seguir os passos da Samsung tem já mais de um ano.

Este conceito tem uma clara inspiração no primeiro Huawei Mate X. A principal diferença é que o seu ecrã passará a dobrar para dentro, o oposto do que acontece no modelo lançado em 2019.

No canto esquerdo, continua presente uma barra onde estão posicionadas duas lentes fotográficas. Desta feita, esta barra terá mais funcionalidades que a do Mate X, já que também servirá como ecrã secundário.

Ainda que não seja esclarecido na patente, é expectável que a margem sirva também para apresentar algumas informações básicas, como notificações, sem que seja necessário abrir o smartphone. Adicionalmente, servirá para alojar uma stylus que acompanhará o equipamento.

Quando será apresentado o Huawei Mate X2?

Por enquanto, ainda não existem informações a apontar para a data de apresentação do Huawei Mate X2. Mas com o aproximar de setembro, onde se espera a revelação dos novos Mate 40, é possível que a chinesa aproveite a ocasião para nos revelar o seu novo dobrável.

Se for esse o caso, então as próximas semanas serão recheadas de mais informações acerca do possível Huawei Mate X2. Um produto que certamente terá como principal concorrente o Samsung Galaxy Z Fold 2.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.