Huawei pode ter um novo processador para um novo topo de gama

Mónica Marques
Comentar

Sempre a tentar gerir as sanções de que é alvo, a Huawei pode ter novidades interessantes a caminho do mercado.

Fala-se agora que o próximo topo de gama da marca, o P60, pode esconder uma surpresa no seu interior: o novo chip Kirin 9100 SoC.

Huawei pode ter a caminho um novo chip equivalente a um processador de 5 nm

Huawei P50 Pro
O próximo topo de gama da Huawei pode trazer consigo um novo chip Kirin Crédito@Huawei

Desde que foram impostas as sanções à Huawei que a marca chinesa se viu privada de utilizador os processadores mais recentes e avançados produzidos pela TSMC. E parece que a forma que a marca chinesa encontrou para contornar esta situação foi ressuscitar a sua divisão de produção de chips HiSilicon Kirin.

Tanto que é assim que hoje está a ser avançado site Huawei Central que o próximo topo de gama da marca, o P60, vai chegar equipado com o novo processador Kirin 9100 SoC, baseado no processo de 14 nm.

Mas o melhor de tudo é que, apesar de ser fabricado no processo de 14 nm, o novo chip Kirin será equivalente a um processador de 5 nm, oferecendo o mesmo desempenho. Para uma comparação melhor, será o equivalente ao chip A9 integrado no iPhone 6s, lançado em 2015, que é baseado no mesmo processo de 14 nm.

Huawei também terá um modelo com Snapdragon 8+ Gen 1

Entretanto, outras fontes avançam que a Huwei também irá lançar um smartphone com o processador Snapdragon 8+ Gen 1. Mas com uma particularidade: o chip Qualcomm integrado neste modelo não vai integrar suporte para comunicações 5G.

Esta última informação sugere que a Huawei pretende lançar este modelo a nível global. Recorde-se que no mercado do seu país de origem, a marca pode comercializar equipamentos 5G, estando impossibilitada de o fazer em outras regiões do mundo, devido às sanções impostas pelos Estados Unidos da América.

De resto, as mesmas fontes sugerem que este modelo desconhecido com chip Qualcomm poderá já chegar ao mercado no próximo mês de agosto.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira.