Linha Huawei Mate 10 apresentada na China e os preços são mais baixos

Carlos Oliveira
Huawei Mate 10 Pro China
Huawei Mate 10 Pro

Foi no início da semana que agora terminou que a chinesa Huawei nos apresentou os seus novos Huawei Mate 10. Num evento realizado na cidade alemã de Munique, a agora segunda maior vendedora de smartphones do mundo deu-nos a conhecer a sua nova linha de topos de gama para o mercado Android.

Foram três os equipamentos oficializados na Alemanha, sendo estes os Mate 10, Mate 10 Pro e ainda o Mate 10 Porsche Design. Todos eles construídos maioritariamente à base de vidro, todos eles com ecrãs cujas margens são agora bem mais reduzidas que as dos seus antecessores.

Vê ainda: Samsung Galaxy S9 e S9+ virão ambos com 6GB de memória RAM

Em termos de especificações, temos também várias constantes entre todas estas variantes. Desde logo a presença do novo processador Kirin 970, o primeiro do mercado com uma unidade dedicada ao processamento neural ou NPU. Depois temos um Huawei Mate 10 com um ecrã de 16:9 com uma resolução 2560 x 1440 pixels, ao passo que o modelo Pro conta com um ecrã de 6 polegadas 18:9 de resolução FHD+.

Temos ainda a presença de uma bateria de 4000mAh em todos os modelos apresentados, com tecnologia de carregamento rápido SuperCharge. No que respeita ao software temos o novo Android Oreo, mascarado pela interface EMUI 8.0.

É nos seus esquemas de memória que vemos algumas diferenças. O Mate 10 Pro chega ao mercado com 6GB de RAM e 64GB ou 128GB de memória interna. Já no que respeita à edição Porsche Design, vemos a mesma quantidade de RAM, porém o espaço de armazenamento disponível sobe para os 256GB. Já quanto ao Mate 10, o mesmo chegará à Europa com 4GB de RAM e 64GB de memória interna.

Os novos Huawei Mate 10 já foram oficializados na China, mercado doméstico da sua empresa

Pois bem, foram precisamente estes três modelos da linha Huawei Mate 10 que foram introduzidos na China, sendo a principal diferença os seus preços de venda. Mas antes de avançar-mos para os seus valores, convém referir que foi apresentada uma variante do Mate 10 com 6GB de RAM, o que significa que a mesma deverá ser exclusiva daquele mercado.

Atendendo agora aos preços de venda para todos estes modelos, começando pelo modelo "normal", o mesmo será comercializado na China pelo correspondente a 499€ e 576€ para as versões com 4GB e 6GB de RAM, respetivamente.

Já para o modelo Pro os valores começam nos 627€, podendo ascender aos 691€, consoante os esquemas de memória escolhidos, contrastando com os 879€ a serem pedidos em Portugal. Por fim, a edição Porsche Design será comercializada na terra natal da empresa por 1.153€.

Em todos os casos acima referidos, os valores são mais baixos do que os praticados no continente europeu para os mesmos produtos. Demonstra-se aqui novamente o peso que os impostos e custos de envios dos equipamentos para os nossos mercados terão na carteira daqueles que comprarem um destes smartphones.

Outros assuntos relevantes:

Nokia 7 mostra-nos o que consegue fazer com esta câmara de 16MP e lentes Zeiss

Utilizadores do Apple iPhone X “terão problemas em quase todas as apps”

Google Chrome poderá alertar o utilizador face à mineração de Bitcoin

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.