Huawei P10 Plus
A Huawei é uma marca cada vez mais valiosa

A Huawei é uma construtora chinesa que tem crescido imenso, tanto em respeito e admiração aos olhos do público como em valor e capital. Hoje vemos a Huawei a atingir o  88º lugar no ranking das marcas mais valiosas da Forbes. Esta lista reúne anualmente as marcas mais poderosas e dá-nos um bom indicador do “estado de saúde” de cada uma delas. Este ano temos a estreia desta marca chinesa na reputada lista da Forbes, sendo a única marca oriunda da China a conseguir entrar neste “Top 100”.

Vê ainda: Honor 9, ASUS ZenFone 4 e Xbox One X – TECH Recap

Todos os anos a Forbes seleciona 100 das marcas mais valiosas do mundo de um leque de 200 companhias internacionais. Este ano, a lista dos Top 100 conta com a presença de marcas de 15 países, com os Estados Unidos a liderar em 56 posições, seguido pela Alemanha, França, e Japão (11, 7 e 6 lugares, respetivamente). Por sua vez Forbes é uma revista norte-americana centrada na economia e negócios.

   

Esta publicação quinzenal destaca-se pelos seus artigos e reportagens sobre finanças, indústria, investimento e marketing. Ultimamente, e apesar de não ser seu tema principal, também se debruça sobre temas relacionados com tecnologia, comunicações, ciência e até direito. É vulgarmente conhecida pelas suas listas, como o ranking dos mais ricos dos Estados Unidos e do mundo.

Huawei no Top 100 da Forbes

De todas estas áreas, a tecnologia é, sem dúvida, a indústria mais em voga, ocupando 18 lugares na lista, sendo que 9 estão nas 15 primeiras posições. É também um dos principais mercados, em volume e receitas.

Huawei P10
Huawei P10 – um dos melhores da MWC 2017

Aqui, a Huawei superou as expectativas da indústria em 2016, graças ao reconhecimento da marca pelos seus consumidores por todo o mundo. No primeiro trimestre de 2017, a fabricante chinesa aumentou o número de exportações de smartphones o que consolidou o seu crescimento. De acordo com as consultoras IDC, SA e Trendforce, as exportações de smartphones da marca ocuparam o terceiro lugar no mundo e o primeiro na China.

Agora, em meados de junho de 2017 vemos a Huawei a consolidar o seu crescimento e respeito aos olhos do mundo. Com o design da série P e da série Mate, a Huawei testemunhou uma crescente influência no segmento primário de smartphones. Os Huawei P9 / P9 Plus venderam mais de 12 milhões de unidades globalmente, tornando-se no primeiro topo de gama da marca a superar vendas de dez milhões de unidades. Na última aposta da marca – a série P10 – a Huawei lançou uma nova cor em parceria com a Pantone (Greenery), que foi recebida com grande entusiasmo por consumidores em todo o mundo.

A parceria com a Leica foi uma aposta excelente da Huawei 

Quanto ao desenvolvimento da marca, a Huawei manteve a inovação na estratégia de marketing. Após o lançamento da série P10, a marca fez uma parceria com a revista de moda mais famosa do mundo, VOGUE, e lançou uma campanha para “reproduzir fotografias icónicas” com o smartphone Huawei P10, destacando a qualidade fotográfica Leica.

É na publicidade e marketing que a Huawei tem sido exímia. A marca é extremamente popular em território nacional e aos poucos tem se implementado em vários mercados. Resta agora conquistar o mercado brasileiro e norte-americano. A Huawei lançou recentem

ente uma iniciativa fotográfica que se materializa num concurso que dará aos sete primeiros classificados um Huawei P10 e uma masterclass com fotógrafos de renome. Portugal Sem Tripé e estará a decorrer até ao final de Julho. Como objectivo a Huawei não poupa palavras: eleger a melhor fotografia de Portugal! A empresa chinesa desenvolveu, para o efeito, uma plataforma online onde qualquer pessoa poderá fazer o upload das suas obras.

A marca colaborou, ainda, com a Galeria Saatchi e revelou uma exposição intitulada  “From Selfie to Self Expression“, elevando as selfies para um novo nível de experiência artística. Estas parcerias não só transmitem os conceitos da marca da Huawei, mas também coincidem com o estilo de vida e emoções dos consumidores, criando assim um vínculo emocional mais forte.

O crescimento da Huawei é exemplar

Ao longo dos anos, a crescente influência da marca tem sido reconhecida por vários institutos de renome a nível mundial. Além de estar presente na lista das marcas mais valiosas de 2017 da Forbes, a Huawei também foi selecionada em outros rankings internacionais. Em outubro de 2016, entrou na lista das marcas mais prestigiadas do mundo, “Top 100” da Interbrand, onde atingiu o 72º lugar, tendo sido a empresa da área das tecnologias que mais rapidamente cresceu. Foi ainda selecionada para o ranking “Global 500” das marcas mais valiosas de 2017, tendo ficado na 40ª posição, subindo 7 pontos em relação ao ano anterior.

A Huawei quer chegar ao topo do “Mundo Android” e para tal terá que superar a Samsung. O caminho será repleto de desafios mas, a cada dia que passa a marca cresce e reforça a sua presença nos mercados e mentes dos consumidores. E tu, tens algum smartphone ou dispositivo da Huawei? Qual a tua opinião e expectativas sobre o futuro esta marca chinesa?

Outros assuntos relevantes:

Parte frontal do iPhone 8 aparece novamente em imagem real

LG apresenta o novo LG G6+ com características bem reforçadas!

HMD Global cancela modelo do Nokia 9 com 4GB de RAM

FonteHuawei PR
Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).