Huawei HarmonyOS (substituto ao Android) "está longe de estar acabado!" diz desenvolvedor

Filipe Alves
Comentar

A Huawei tem uma solução para os smartphone caso não consiga usar mais o sistema Android. O sistema HarmonyOS é a solução. Enquanto que os executivos da marca dizem que já está tudo pronto, alguns desenvolvedores discordam.

O sistema foi dado a alguns desenvolvedores para fabricarem Apps e soluções para o novo sistema. Contudo, ao que parece, os desenvolvedores estão-se a deparar com um sistema inacabado. Um sistema que lhe falta estabilidade e está cheio de bugs. Aliás, alguns foram mais longe ao dizer que o HarmonyOS é um "Scam, truque de publicidade, prematuro e que está longe de estar acabado"

HarmonyOS Huawei substituto ao Android

Desenvolvedor fala sobre o novo HarmonyOS da Huawei

O website AcabusNews foi o local onde esta informação foi descrita. Um dos desenvolvedores disse "o Ark Compiler não apenas não pode compilar todas as amostras de benchmark padrão, como também pode compilar sua própria amostra de demonstração!"

Para quem não sabe o que é código, o Compiler é o que o sistema operativo usa para traduzir o código "humano" para o código de "máquina".

Ou seja, se esta é uma das partes fundamentais do sistema, está a falhar consideravelmente e a deixar os desenvolvedores frustrados. Outro desenvolvedor apontou que "Não precisa de ser de código aberto", acrescentando que é mais importante que seja "fácil de usar e compatível. A Huawei está a fazer disto apenas para publicidade - não desejando realmente contribuições da comunidade.”

Sistema Android não está em risco para os smartphones da Huawei

Vale a pena frisar que o sistema Android não está em risco para os equipamentos da marca. Em vez disso, a Huawei simplesmente não poderá usar os serviços Google.

Atenção que as atualizações de sistema da Google também podem não chegar aos futuros smartphones da Huawei que usem o sistema Android. A não ser que usem uma versão própria baseada no sistema Android.

A Huawei está com sérios problemas em mãos e é uma pena. Isto porque a marca estava a crescer como nunca e merece ser uma das que está no pódio.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.