Depois da apresentação do Xiaomi Mi Mix no final do ano passado, foram já várias as marcas que declararam intenção de desenvolver produtos semelhantes. Porém, só a LG é que já foi capaz de lançar para o mercado um produto com uma abordagem semelhante, o LG G6.

Vê também: Xiaomi Mi6 e Mi6 Plus vêem todas as suas especificações reveladas

   

Também o futuro Galaxy S8 pode ser encarado como que inspirado no revolucionário produto da Xiaomi. Todavia, e pelo menos por enquanto, ainda ninguém lançou para o mercado um equipamento muito semelhante ao produto da Apple chinesa.

A juntar-se ao clube dos que querem desenvolver um concorrente direto ao Xiaomi Mi Mix, temos agora uma das suas conterrâneas. Yu Chengdong, CEO da Huawei, admitiu já que a empresa que dirige está a desenvolver um smartphone sem qualquer margem entre o seu ecrã e a sua estrutura.


Estas declarações foram proferidas numa entrevista depois do lançamento dos novos Huawei P10 e P10 Plus na China. Nas palavras do senhor Chengdong, a Huawei mostrará ao mundo um smartphone cujo seu ecrã cobrirá toda a parte frontal do mesmo, de cima a baixo. Interpretando estas declarações à letra, isto significa um equipamento sem qualquer tipo de margens ou bezels.

Um smartphone sem qualquer margem

Se ficas-te agradado com esta ideia, talvez seja melhor reteres um pouco todo o teu entusiasmo. Prosseguindo na entrevista de Chengdong, a certa altura ele refere que este será um smartphone vocacionado para o utilizador fazer uso dele diariamente.

Isto pode significar que a sua apresentação possa estar ainda um pouco distante, pois se já viste algumas críticas ao Xiaomi Mi Mix então saberás que aquele é um equipamento de nicho, que possui algumas lacunas que fazem dele ainda não muito aconselhável para um uso diário como smartphone principal. Logo poderão existir algumas tecnologias a melhorar para que este seja efetivamente um produto utilizável sem qualquer limitação.

Em todo o caso, ficamos a saber que uma das maiores marcas de smartphones Android do mundo quer enveredar pelo caminho dos smartphones sem margens. Quando o mesmo chegará ao mercado é ainda uma incógnita, mas até que tal se suceda mais informações serão certamente conhecidas.

Outros assuntos relevantes:

Samsung Galaxy S8: Tudo o que sabemos!

Reflexão: As microtransações nos jogos da atualidade

Perdas no valor de $2000 milhões espelham o futuro do Snapchat

Viagizmochina
O gosto por tecnologia foi algo que esteve sempre dentro de mim. Com o crescer do mercado dos smartphones, também o meu entusiasmo com os mesmos aumentou. Já nos tempos livres, as séries são o meu principal mata-tempo.