Um dos temas da atualidade são os problemas de bateria e o risco de explosão das mesmas. São várias as situações de perigo que podem resultar de alguma avaria ou defeito de fabrico no elemento que armazena a energia necessária ao funcionamento dos equipamentos. Agora é a HP que está com um processo de recolhe em mãos e a culpa é, novamente, das baterias!

O aquecimento excessivo de algumas baterias de portáteis HP levou a que a marca tomasse medidas de prevenção. Vigora uma ordem de recolha global para vários modelos de computadores portáteis e bem sabemos que mais vale prevenir do que remediar.

A marca está a chamar novamente para reparação cerca de 101,000 baterias de baterias de ião de lítio. Já em junho de 2016 chamou para reparação 41,000 baterias.

   

Quais são os HP afetados?

O problema foi alertado pelo “Consumer Product Safety Comission”, CPSC,  um organismo norte americano que defende os direitos dos consumidores, que afirma que as baterias podem sobreaquecer, podendo causar perigo de fogo e de queimadura.

Os modelos afetados são os HP ProBook, HP ENVY, Compaq Presario e os HP Pavillion Notebooks vendidos entre março 2013 e outubro de 2016. É importante partilhar esta informação.

HP
Crédito: depositphotos

Que cuidados devo ter com o meu HP?

O CPSC recomenda que os utilizadores removam as baterias dos computadores afetados e contactem a HP, ou a loja onde compraram o computador, para uma substituição gratuita.

Os portateis podem na mesma ser usados apenas conectados a corrente elétrica, mas sem a bateria. Em suma, podes utilizar o computador com o carregador (alimentador), sendo expressamente desaconselhado o uso das suas baterias.

Os relatos de sobreaquecimento de equipamentos tendem a agitar a esfera da tecnologia, depois dos incidentes com o Samsung Galaxy Note 7, agora é a vez desta construtora de computadores e dispositivos móveis reconhecer, e mandar recolher, as baterias defeituosas.

No entanto, já não é a primeira vez que esta marca se vê forçada a reparar os seus modelos comercializados, em 2014 chamou para subsituição seis milhões de cabos de carregador, devido a queixas de sobreaquecimento.

Outros artigos relevantes:

O que tenho no meu OnePlus 3

HTC desmente os rumores de que estaria a desenvolver um smartwatch

Belos Descontos em Tecnologia até dia 26 de janeiro!

Artigo original do colaborador David Ventura

Fontetheverge
Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).