Google Pixel 7 foi desmontado e há boas notícias para os interessados

Bruno Coelho
Comentar

Os Google Pixel 7 e Pixel 7 Pro são finalmente oficiais. Esta semana chegam ao mercado, com a proposta de verdadeira experiência de Android. Infelizmente não chegam oficialmente a Portugal, mas nem por isso deixam de merecer a nossa atenção.

O canal de YouTube PBKReviews já pôs as mãos nos mais recentes smartphones da Google, e fez a sua habitual desmontagem aos terminais. E no que diz respeito a possíveis reparações, há boas notícias para os interessados.

Google Pixel 7 mantém nota positiva na taxa de reparabilidade

O Google Pixel 7 recebeu uma nota de 6 em 10 pontos possíveis na taxa de reparabilidade. Esta é uma nota positiva, e que está consonância com a nota dada ao Pixel 6 no ano passado (6/10).

Um dos problemas poderá ser aceder à bateria em caso de possível troca, isto porque é necessário passar por várias camadas até lá chegar. Além disso, a porta USB-C encontra soldada à placa principal.

Foi realçado o espaço para a antena mmWave. O que significa que esse 5G, mais rápido, só estará disponível nos Pixel 7 em mercados selecionados. Noutros não terão acesso ao mesmo.

Parece assim ter mudado pouco face ao ano anterior. E quanto ao Pixel 7 Pro recebeu uma nota de separabilidade ainda pior, de 5,5 em 10 pontos. Esta é justificada pelo facto de haver maior dificuldade em aceder à placa principal.

Recorde-se que o Pixel 7 chega à Europa por um preço de 649 €, enquanto o Pixel 7 Por custa 849 €. Está disponível na Alemanha, Austrália, Canadá, Dinamarca, Espanha, Estados Unidos da América, França, Holanda, Irlanda, Itália, Japão, Noruega, Porto Rico, Reino Unido, Singapura, Suécia, Taiwan.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Colabora com a 4gnews desde 2017, e faz parte da redação desde 2019. Come especificações ao pequeno-almoço. brunocoelho@4gnews.pt