Galaxy Fold: por que está o ecrã do smartphone dobrável a falhar?

Bruno Coelho

O ecrã do Galaxy Fold foi envolto em problemas apenas um dia depois de chegar às mãos de vários reviewers. A situação levou até a Samsung a adiar o seu lançamento oficial. Os especialistas do site iFixit já fizeram uma análise ao que pode ter corrido mal.

A Samsung é a rainha dos ecrãs OLED no mercado mobile. As grandes marcas usam os seus ecrãs, no entanto isso não significa que estes não sejam flores delicadas. Ao contrário de um ecrã LCD, uma pequena falha localizada num OLED pode levar à falha total do ecrã. E isso ajuda a explicar várias destas falhas.

samsung galaxy fold
Imagem: The Verge

Tendo em conta a fraca resistência de um ecrã deste género a humidade e oxigénio, seria de antever alguns problemas. Segundo escreve o iFixit, é fácil de prever os problemas através dos espaços que o dispositivo tem na zona de dobragem em cima e em baixo. E ainda há os detritos acumulados enquanto este fica no bolso.

A zona de dobragem do Galaxy Fold é muito suscetível à sujidade

Obviamente que a Samsung pode sempre proteger-se com o facto de não oferecer qualquer certificação IP. Mas a verdade é que a zona de dobragem, na sua traseira, é bastante suscetível à fácil entrada de sujidade.

samsung galaxy fold
Imagem: @mkbhd

O espaço de dobragem entre os painéis é outro dos problemas. Não é de estranhar que vários ulilizadores tenham apanhado “altos” no ecrã nessa zona. Havendo entrada de sujidade, a desdobrarem o dispositivo pode pressioná-la, criando assim potenciais malefícios para o ecrã.

A Samsung testou o Galaxy Fold com robots, tentando passar uma grande durabilidade. A realidade mostra que faria falta tê-lo testado com dedos e bolsos de pessoas. Como não existe uma linha pré-definida de dobragem, a pressão feita pode ser exercida em vários sítios, o que cria também problemas

samsung galaxy fold
Imagem: Tech Radar

Estes e outros problemas estarão certamente a ser analisados pela gigante sul coreana. A análise pelo iFixit não pretende propagar verdades universais, mas sim tentar encontrar respostas para as várias falhas. Ainda sem chegar às mãos do consumidor comum, a Samsung já deve ter apontado várias coisas a corrigir na próxima geração.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Ultimate Team é o seu atual saco de boxe, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.