Evleaks mostra-nos o design do novo Samsung Galaxy J3(2017)

Pedro Ramos

samsung-galaxy-j3-2017-4gnewsA Samsung é uma marca conhecida por lançar todo o tipo de smartphones, desde flagships até aos gama baixa e uma das suas linhas de gama baixa é a sua linha J. A gama tem merecido a preferência de uma boa percentagem dos consumidores graças ao preço relativamente baixo dos smartphones e pela sua qualidade geral. Vamos conhecer o próximo Galaxy J3(2017)?

Ora, escusado será dizer que o fim do ano aproxima-se, o que significa que os leaks (fugas de informação) acerca dos terminais a ser apresentados no próximo ano intensificam-se e recentemente o Evleaks mostrou-nos o no Galaxy J3(2017) em todo o seu esplendor, porém esta não foi a primeira vez que este terminal deu sinal de vida, uma vez que já passou pela Geekbench, na FCC, na TENNA e recentemente recebeu a sua certificação Bluetooth.

Este Galaxy J3(2017) a nível de design não nos deverá presentear com grandes alterações, o terminal irá manter-se fiel ao design já característico da marca sul coreana, apenas aparenta ter os seus cantos um pouco mais arredondados e a sua câmara frontal mudou de posição.

Debaixo do seu capô vamos encontrar um processador Qualcomm Snapdragon 430, 2GB de memória RAM, um ecrã de 5.1" polegadas com resolução HD com tecnologia Super Amoled e talvez poderá vir a haver outra variante com resolução Full HD, a nível fotográfico vamos encontrar uma câmara principal de 8MP e uma câmara frontal de 5MP e por fim para dar vida ao terminal vamos poder contar com uma bateria de 2,600mAh.

O Galaxy J3(2017) não vai ser a grande inovação do próximo ano, contudo será um excelente terminal para quem não quer gastar muito num equipamento móvel.

Talvez queiras ver:

OnePlus 3T leva a melhor sobre o Google Pixel XL no tempo de carregamento da sua bateria

T de quê? “Well”, acho que nem a OnePlus sabe

À procura do OnePlus Y: o gama média de 2016

Samsung Galaxy J3 (2017) [note: this is SM-J327P, not SM-J3119, which is the J3 Pro] pic.twitter.com/MSl4pFo4bi

— Evan Blass (@evleaks) 18 de novembro de 2016