Estas 10 aplicações drenam a bateria do teu smartphone Android

Mónica Marques
Comentar

A Play Store tem uma variedade imensa de aplicações que ajudam a facilitar a vida das pessoas. Mas os utilizadores têm tendência a fazer o download de algumas apps bastante populares.

Fizemos uma lista de aplicações que, apesar de serem bastante úteis e populares, drenam a bateria do smartphone. Analisa com atenção se necessitas de ter alguma destas apps em permanência no teu smartphone.

Lista de 10 aplicações que esgotam a bateria dos smartphones

Atualmente, os nossos smartphones estão repletos de aplicações que usamos, a título diário, para executar uma variedade de tarefas. Apesar de serem muito úteis, algumas das apps mais populares esgotam mais rapidamente a bateria dos smartphones.

Estas são as aplicações que tendem a drenar mais a bateria do terminal:

Fitbit

Uber

Skype

Facebook

Airbnb

Instagram

Tinder

Bumble

Snapchat

WhatsApp

A informação chega-nos através da empresa de pesquisa pCloud que afirma que estas 10 aplicações consumem bastante energia e afetam a vida útil da bateria. A empresa analisou fatores como localização e câmara para perceber de que forma a bateria do smartphone é afetada.

Redes sociais, Fitbit e Verizon são as aplicações que mais consomem energia

De acordo com a pCloud, as aplicações que mais energia consomem são a Fitbit e a Verizon. 14 dos 16 recursos de ambos funcionam em segundo plano e estamos a falar de recursos bastante exigentes como a câmara, localização, microfone e ligação Wi-Fi.

De seguida, como maiores consumidores de energia estão as apps das redes sociais. Estas usam os recursos de fotos, Wi-Fi, localização e microfone em segundo plano. Mas percebemos que estas aplicações sejam das mais populares e que estejam instaladas, a título permanente, no smartphone. Afinal são a tua ligação ao mundo digital, seja em trabalho ou lazer.

Aplicações de viagem ocupam muito armazenamento e tornam o smartphone mais lento

Algumas aplicações como a Uber ocupam demasiado espaço no armazenamento. Esta, em específico, tem como requisito 299,6 MB de armazenamento interno. Tal obriga a um maior esforço do terminal, assim como o empurrar para a lentidão no desempenho de tarefas.

Por outro lado, apps de viagem como a do Airbnb foram também consideradas “devoradoras” de bateria pelas razões já acima referidas.

Aqui deixamos uma dica. Se não estás com planos para viajar em breve, desinstala a app Airbnb. Podes voltar a fazer o download quando for necessário e no tempo decorrente entre instalações poupas a bateria ao teu smartphone.

Quanto à Uber, bem, essa é uma app de viagens diárias, mas podes sempre optar por instalar a aplicação de apenas uma destas plataformas.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira. Email:monicamarques@4gnews.pt