Entre outras, Xiaomi e Microsoft atacam na compra da BlackBerry

Filipe Alves

blackberry passport

Não tenho vergonha de admitir que a Blackberry é a minha marca preferida de smartphones. É aquela que mais me identifiquei até aos dias de hoje e sou um fã da marca, no entanto, sei que podia estar melhor e infelizmente nenhum smartphone da marca Canadiana me completa, relativamente ao seu sistema Operativo considero obsoleto e com falta de inspiração, infelizmente é a minha opinião.

Nada é pior que um fã admitir que a sua equipa está a jogar mal, nós queremos sempre que ela ganhe, mas nem sempre temos a satisfação de festejar.

Já noticiamos há uns tempos numa possível venda da Blackberry e felizmente tal não aconteceu. Logo de seguida lançaram o estranho Blackberry Passport que vai tendo aos poucos sucesso entre os outros flagships.

Segundo um novo artigo da Digitimes (fonte), a BlackBerry volta a ser alvo de ataques de compra por parte de outras gigantes, entre elas 3#Chinaaopoder, Huawei, Lenovo e Xiaomi e a Americana Microsoft.

A Blackberry embora com um SO, na minha opinião, tedioso, tem a melhor encriptação para manter a tua segurança. John Chen, o CEO da empresa Canadiana, já conseguiu por a empresa de volta às linhas de ferro, agora basta carregar no carvão e voltar à acção. Mais do que ninguém espero que a Blackberry volte aos caminhos de sucesso, acredito que é a empresa que melhor relação hardware/interface nos dá.

Talvez queiras ver:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.