Do Samsung Galaxy S22 Ultra para o Galaxy S23 Ultra: as diferenças e as semelhanças

Mónica Marques
Comentar

O próximo grande lançamento da Samsung será a nova série de topo Galaxy S23, cujo terminal mais avançado será o S23 Ultra.

Mas quais vão ser as atualizações? E quais vão ser os atributos que o novo modelo vai herdar do seu antecessor? Preparámos um resumo com tudo o que sabemos sobre o próximo Samsung Galaxy S23 para ficares a conhecer em pormenor as diferenças e semelhanças entre o novo e o antigo Galaxy Ultra.

Características de design e ecrã são bastante semelhantes, apenas com diferenças subtis

Samsung Galaxy S22 Ultra
O Samsung Galaxy S22 Ultra está disponível em Prtugal com um preço a começar nos 1.049,90 euros Crédito@Samsung

À primeira vista, vai ser difícil distinguir o Galaxy S22 Ultra do Galaxy S23 Ultra. O design e a construção geral são os mesmos, a Samsung não vai alterar uma fórmula que provou ser vencedora.

Mas o novo S23 Ultra terá os lados mais planos a remeterem para o look exibido pelos iPhones mais recentes. Uma diferença subtil, mas que ajudará os utilizadores a retirarem mais facilmente o terminal de cima de uma mesa.

O novo Ultra vai também manter a porta USB Tipo-C, assim como a entrada de áudio de 3,5 mm para auscultadores na zona inferior, tal como o Galaxy S22 Ultra.

Agora o ecrã. Novamente vamos ter um painel AMOLED de 6,8 polegadas com uma resolução de 1440p e uma taxa de atualização variável entre 1 e 120 Hz.

A única alteração que devemos ver neste ponto é um aumento do brilho máximo de 1.750 nits disponível no Galaxy S22 Ultra.

Desempenho: Europa vai receber modelos Galaxy S23 Ultra com chip Qualcomm

Bem, neste ponto em concreto serão os utilizadores europeus a desfrutarem da maior alteração. Finalmente, a Samsung vai disponibilizar um modelo de topo equipado com um processador Qualcomm, abandonando o seu chip Exynos no mercado europeu.

Mais especificamente, o Galaxy S23 Ultra vai acomodar no seu interior o Snapdragon 8 Gen 2 que, de acordo com alguns testes já divulgados, aumenta o desempenho dos terminais, assim como a eficiência energética.

Com esta mudança, o Galaxy S23 Ultra poderá ficar mais próximo do desempenho fornecido pelo seu rival da Apple, iPhone 14 Pro Max.

Segundo os rumores, o Galaxy S23 Ultra estará disponível nas seguintes configurações:

  • 8 GB RAM + 128 GB de armazenamento
  • 12 GB RAM + 256 GB de armazenamento
  • 12 GB RAM + 512 GB de armazenamento

Outro ponto a ter em conta é que a Samsung prometeu quatro grandes atualizações de software e cinco anos de atualizações de segurança. Sendo o Galaxy S23 Ultra um modelo de topo, é esperado que a gigante sul-coreana cumpra esta promessa.

Configuração de câmara traseira vai ser atualizada

Uma das diferenças mais significativas será encontrada na configuração de câmara traseira que será atualizada no Galaxy S23 Ultra. Ora se o modelo anterior é já considerado um dos melhores smartphones para fotografia, o S23 Ultra poderá tornar-se um rei da imagem difícil de destronar.

O novo modelo vai manter a configuração de câmara traseira quádrupla, mas desta vez o sensor primário integrado será um exemplar personalizado que se situa entre o ISOCELL HP1 E ISOCELL HP3, ambos fabricados pela Samsung.

O sensor tem 1,33 polegadas de tamanho e fornece 200 megapixéis de resolução. E é neste ponto que está a grande atualização face ao Galaxy S22 Ultra que apesar de integrar também um sensor com 1,33 polegadas de tamanho, “apenas” fornece 108 megapixéis de resolução.

De resto, a gigante sul-coreana não vai fazer mais alterações, mantendo o ultra grande angular com 12 megapixéis, o telefoto com 10 megapixéis e zoom ótico de 3x e o sensor telefoto periscópio de 10 megapixéis e com zoom ótico de 10X.

A bateria será exatamente a mesma, mas poderá fornecer mais autonomia

Segundo os rumores, o Galaxy S23 Ultra irá manter a bateria de 5.000 mAh com suporte para carregamento rápido de 45 watts.

Mas ainda que as especificações sejam as mesmas, o próximo flagship poderá vir a apresentar mais tempo de vida útil de bateria. Tudo porque o chip Snapdragon 8 Gen 2 é mais eficiente a nível energético, o que significa que vai drenar menos energia na execução de tarefas.

Por tudo o que sabemos até agora, o Samsung Galaxy S23 Ultra deverá ser tão bem-sucedido como o Galaxy S22 Ultra está a ser no mercado global. Mas infelizmente teremos de esperar até fevereiro de 2023 para o “conhecer pessoalmente”.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira. Email:monicamarques@4gnews.pt