Depois do iPhone com USB-C, agora há um Android com Lightning (vídeo)

Bruno Coelho
Comentar

Há vários meses noticiamos uma proeza. Um YouTuber, do canal Exploring the Simulation, conseguiu hacker um iPhone X, e colocar-lhe uma porta Lightning. O equipamento encontrava-se em pleno funcionamento. Agora fez o inverso.

Após vários pedidos, Ken Pillonel modificou um Samsung Galaxy A51 para lhe colocar uma porta de carregamento Lightning. Recorde-se que esta é uma porta de carregamento própria da Apple. Esta encontra-se presente em alguns dos seus produtos, como o iPhone, iPad (base) ou Magic Mouse.

Como foi possível? Segundo o que é detalhado, a maior dificuldade para subverter o hardware nos acessório da Apple. Esta medida de prevenção tem como objetivo desativar produtos falsificados.

No caso, se autenticação correta não for feita no chip dentro cabo, este não irá fazer a transição de energia e dados. E dessa forma nunca poderia funcionar num smartphone Android. Mas neste caso funcionou.

Como podes ver no vídeo acima, é um processo bastante complexo, como seria de esperar. Mas no final do vídeo é possível carregar um Samsung Galaxy A51 recorrendo a um carregador Lighting.

Ken Pillonel encontra-se atualmente a fazer um mestrado em Robótica no Instituto Federal Suíço de Tecnologia. Nos tempos livres gosta de mexer em impressão 3D e projetos de IoT. Também trabalha como consultor de engenharia a tempo parcial.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.