CCleaner é uma excelente forma de instalar Malware no teu Smartphone

Rui Bacelar
Hackers terão escondido Malware no código do CCleaner

Depois de o meu caro colega, Pedro Henrique ter alinhado um artigo intitulado de "Avast (empresa que detém a CCleaner) viram a sua integridade comprometida e estariam a ser utilizados para distribuir malware dentro da própria aplicação CCleaner.

Servidores da Avast foram comprometidos e o CCleaner foi o veículo perfeito para distribuir Malware

"Durante um certo período de tempo, a aplicação CCleaner 5.33, genuína, estava a ser distribuída pela Avast e continha um software malicioso (Malware) de múltiplas-fases contido no código-fonte da aplicação CCleaner", segundo avançam os peritos da Talos.

De acordo coma própria Avast, o software CCleaner já foi descarregado mais de dois mil milhões de vezes, tornando-o num alvo extremamente apetecível para os hackers e piratas informáticos.

Esta aplicação para smartphone foi concebida para apagar os cookies e oferecer alguma privacidade ao navegar pela Web. Contudo, mais de 2.27 milhões de utilizadores podem ter sido afectados pelo ataque e a Avast Piriform acredita que conseguiu impedir que a ameaça presente na "app" afetasse os consumidores.

CCleaner é propriedade da Avast

Segundo um porta-voz da Avast, " a Piriform acredita que estes utilizadores estão agora seguros e uma investigação está em curso para apurar responsabilidades e, acima de tudo, neutralizar a ameaça antes que seja capaz de fazer algum mal".

Trata-se de um peculiar ataque com Malware para Smartphone

A aplicação (App) CCleaner sempre usufruiu de uma imagem forte em que milhões de consumidores depositam (ou depositavam) a sua confiança para limpar alguns aspectos dos seus dispositivos e reforçar um pouco a sua privacidade.

Esta "app" devia retirar o "lixo" do teu smartphone e não tornar-se numa ameaça e porta de entrada para o Malware.

Por sua vez, "o Malware em si parece ter sido concebido para usar PC's infectados como parte da sua botnet e para criar uma clivagem entre os consumidores e o CCleaner neste caso. A estratégia faria parte de um propósito maior para que, em última análise, os consumidores ficassem mais expostos e susceptíveis a futuros ataques", declarações dos peritos da Talos.

CCleaner é uma popular App para Smartphone e é propriedade da Avast

Já no início deste ano tivemos o ataque com o ransomware Petya levado a cabo pela ucraniana MeDoc e mesmo a sua sequela parecem estar a escolher alvos específicos, pontos de entrada específicos para que possam espalhar o malware de forma mais fácil do que os ataques convencionais a máquinas isoladas.

Esta parece ser a nova tendência dos hackers, explorarem portas de entrada a partir das quais possam espalhar o software malicioso em si. Como que a testar novos caminhos para os seus propósitos ilícitos, também as empresas de segurança já estão cientes desta novo e perigoso rumo cada vez mais inovador e imprevisível.

Para mais informações sobre a este tema e tudo o que é tecnologia falada em português segue a 4gnews. Acompanha-nos no YouTube onde terás também as nossas LiveCasts e os nossos PodCasts semanais.

E tu, costumas utilizar alguma App como a CCleaner para otimizar o desempenho do teu smartphone? De momento o melhor será mesmo não utilizares qualquer tipo de software optimizador, as construtoras já providenciam as ferramentas necessárias para uma manutenção geral do smartphone.

Abstém-te de instalar antivirus ou qualquer outro tipo de "soluções milagrosas" para o teu dispositivo. Certifica-te apenas de que atualizas frequentemente as aplicações e o sistema do teu smartphone ou tablet.

Outros assuntos relevantes:

Xiaomi Chiron aparece no GFXBench – Será o Xiaomi Mi Note 3 Pro ?

Instagram está a ficar mais ruidoso e atraente para os investidores

o Z?

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.