Apple Watch: nova patente revela identificação por pulso

Bruno Coelho

A Apple deu seguimento a uma nova patente. Esta vai permitar aos Apple Watch do futuro identificar os utilizadores com um sensor biométrico, quando estes forem colocados no pulso. Este é um passo interessante que todos os utilizadores destes wearable desejarão ver implementado em breve.

A patente é para um “dispositivo wearable eletrónico com uma câmara de campo de luz". Depois será feita a autenticação biométrica do pulso. Nada mais simples, e a Apple atesta que este tipo de ação não poderia ser mais conveniente para os utilizadores.

patente apple watch

Um dispositivo eletrónico pode incluir um sensor de impressões digitais, reconhecimento facial, sensor de retina ou outra forma de bio autenticação. Contudo, num dispositivo wearable o espaço está mais limitado. Tornando-se mais difícil implementar algo assim em algo deste género.

Identificar-te pelo pulso é o que a Apple quer no seu relógio no futuro

Identificar os utilizadores pelo pulso é a forma que a Apple pensa ser mais conveniente. Algo que se pode pensar é que, com tal característica, o relógio irá adaptar-se às definições pré-criadas por um utilizador. Ou seja, se eu colocar o relógio no pulso ele adapta-se ao meu uso, tal como o fará se a minha namorada o usar.

apple watch 4

A ideia parece bastante atrativa. Contudo, a revelação de uma patente vale o que vale. Muitas destas invenções numa chegam a ver a luz do dia. Ainda assim, os amantes deste wearable ficarão certamente contentes com os benefícios que uma tecnologia pode trazer ao dispositivo.

O Apple Watch é o rei dos smartwatch. Se a Mi Band é senhora e rainha no mercado dos wearable low cost, é inegável a qualidade que o Apple Watch tem face a qualquer outro aparelho do género. Obviamente peca por ser um produto preso ao ecossistema da empresa de Cupertino.

Editores 4gnews recomendam:

Via

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Ultimate Team é o seu atual saco de boxe, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.