Apple Watch 4 tem tudo para ser um grande sucesso de vendas

Carlos Oliveira
Apple Watch 4
Este é o novo relógio inteligente da Apple

Passaram-se já quase duas semanas desde o último evento de apresentação da Apple. Foi no dia 12 de setembro que ficamos a conhecer os novos iPhone XS e XS Max, bem como o novo Apple Watch 4. Este último foi aquele que, inegavelmente, mais surpreendeu o mercado.

Num ano em que a empresa norte-americana voltou aos modelos S, foi o novo Apple Watch aquele que nos trouxe mais (r)evoluções. Este novo wearable traz um novo ecrã de maiores dimensões mas também outras novidades interessantes.

Vê ainda: Apple Watch 4 revela agora os seus segredos graças à iFixit

De facto, as principais e mais relevantes novidades prendem-se com a saúde dos seus utilizadores. Desde logo podemos destacar o novo detetor de quedas. Este irá notar quando caíres - literalmente - e se durante um certo tempo não teu puseres a pé, ele irá contactar automaticamente os meios de socorro.

Em seguida temos também a possibilidade de realizar electrocardiogramas com este relógio. Feito este "exame" os resultados serão enviados para o teu médico de família, para que possa ser dado o seguimento devido consoante os resultados obtidos.

Apple Watch 4 será um dos gadgets mais vendidos este ano

Tudo isto parece ser o suficiente para se criar um entusiasmo considerável em torno deste wearable. Os resultados poderão ser notados no número de vendas do mesmo que, ao que tudo indica, poderão superar as expectativas iniciais.

De acordo com o mais recente relatório de Ming-Chi Kuo, a Apple poderá vender 19.5 milhões de wearables este ano, muito graças ao novo Apple Watch 4. A estimativa foi revista em alta por este conceituado analista, refutando os 18 milhões de exemplares inicialmente previstos.

Ming Chi-Kuo acredita firmemente que o grande responsável por esta revisão em alta é, de facto, o Apple Watch 4. Este gadget está a ser visto com grande entusiasmo no seio dos consumidores e os resultados poderão ser bastante animadores para a Apple.

Habitualmente a empresa de Cupertino não nos releva frequentemente informações relativas à suas vendas tal como outras empresas. Esses dados oficiais costumam ficar guardados para os seus relatórios ficais. Portanto, poderá demorar algum tempo até que saibamos a verdadeira dimensão da popularidade deste wearable.

Ainda no mesmo relatório, Ming-Chi Kuo faz a sua leitura do sucesso dos novos iPhone XS. De acordo com Kuo, o novo iPhone XS Max tem tido uma procura três a quatro vezes superior à do iPhone XS. Indo ainda mais longe, ele refere que a variante mais popular é a de 256GB de memória interna.

Ainda assim, Ming-Chi Kuo acredita que o iPhone XR conseguirá manter o seu sucesso de vendas por um período mais alargado que o XS. A sua popularidade deverá superar o último trimestre deste ano, prolongando-se pelo decorrer do ano de 2019.

Editores 4gnews recomendam:

Apple: macOS Mojave está agora disponível para instalação!

Apple iOS 12.1 traz a tão esperada funcionalidade aos novos iPhones

Huawei Mate 20 Pro: Imagens oficiais do próximo topo de gama Android

Fonte | Via

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.