Apple poderá lançar serviço de subscrição para jogos 'à lá Netflix'

Vitor Urbano

Depois de executivos da Apple terem indicado em multiplas ocasiões que a grande prioridade da empresa é desenvolver e solidificar a sua oferta de serviços. Novas informações indicam a possibilidade do lançamento de uma subscrição para jogos.

De uma forma bastante simplificada, tudo indica que a Apple estará a planear lançar a "Netflix dos jogos". Um serviço de subscrição que irá colocar à disposição dos utilizadores acesso ilimitado a uma biblioteca de jogos.

Apple Netflix Jogos

Todos sabemos que o mundo gaming nos smartphones é um mercado enorme, e continua a apresentar um crescimento exponencial. No entanto, é bastante difícil conseguir imaginar um serviço desta natureza, que possa ter um sucesso aceitável.

Apple quer criar a primeira 'Netflix dos jogos' para smartphones

Assim como acontece na Google Play Store, também na App Store o ranking de aplicações em destaque é dominado por jogos. No entanto, a grande maioria dos jogos mais populares estão disponíveis de forma gratuita.

Já ficou provado em diversos casos que esta é a 'receita' que mais resultados apresenta nas plataformas móveis. Disponibilizar jogos de forma gratuita, possibilitando depois inúmeras formas de compras in-app que são responsáveis por todas as receitas.

Obviamente que este tipo de modelo não é compatível com um serviço de subscrição, afinal de contas os jogos são gratuitos. Por isso, é de esperar que a empresa de Cupertino apresente uma abordagem diferente.

Terá um serviço de subscrição para jogos nos iPhone 'pernas para andar'?

De acordo com as fontes citadas pelo site Cheddar, a Apple já está em conversações com vários developers sobre o seu alegado serviço de subscrição. Muito provavelmente a empresa irá tentar criar parcerias para o desenvolvimento de títulos exclusivos para o iOS.

Além disso, será de esperar que estes novos jogos se apresentem mais semelhantes aos títulos para consolas. Ou seja, com histórias e jogabilidade mais complexas, de forma a oferecer uma experiência de jogo semelhante a uma consola.

Essa poderá ser uma das poucas alternativas que conseguirá justificar a subscrição a um serviço pago para ter acesso a jogos de smartphone. Ainda assim, penso que este não é um tipo de serviço que possa ter muito sucesso. Pelo menos nos dias de hoje.

Editores 4gnews recomendam:

Apple: O conceito do iPhone 11 que todos queremos ver (vídeo)

Microsoft Office 365 chegou à Mac App Store da Apple

Apple iPhone vendeu menos na China, mas ganhou quota de mercado

Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.