Apple: próximo iPad Pro promete ser ainda mais impressionante

Carlos Oliveira
Comentar

A inclusão do processador M1 no interior do iPad Pro da Apple faz deste um dos mais impressionantes tablets do mercado. Estamos a falar do mesmo processador que integra o MacBook Pro de 13" ou o iMac de 24".

Relativamente ao seu sucessor, já sabemos um pouco mais do que esperar do equipamento. Os dados são fornecidos pelo conceituado analista Mark Gurman, na sua mais recente newsletter Power On.

Próximo iPad Pro chega no outono com processador M2

Um dos grandes destaques da próxima geração do iPad Pro será a utilização do novo processador M2. Além disso, o próximo tablet da Apple contará com tecnologia MagSafe, ou seja, será o primeiro com carregamento sem fios.

iPad Pro

Já o momento da sua apresentação será no outono deste ano. De acordo com as previsões de Mark Gurman, a revelação ocorrerá entre setembro e novembro de 2022.

A título de curiosidade, a anterior geração do iPad Pro foi anunciada em abril de 2021, representando um ciclo de aproximadamente 19 meses até ao lançamento do seu sucessor. O atraso poderá estar relacionado com o desenvolvimento do seu processador.

Note-se que o processador apontado para o novo iPad Pro ainda nem sequer foi desvendado. Aliás, não se sabe muito bem quanto é que tal acontecerá, mas espera-se que integre vários produtos da tecnológica americana.

Este processador contará com os mesmos oito núcleos CPU do M1, porém, beneficiará da nova litografia de 4nm da TSMC. Isso significa que será mais poderoso o mais eficiente que o seu antecessor.

Será a nível gráfico que se verificará uma das principais melhorias deste novo processador. Ao que tudo indica, este chegará com opção de escolha entre nove e dez núcleos GPU.

O chip M2 deverá integrar outros produtos como o próximo MacBook Air, o novo MacBook Pro de 13", iMac e Mac Mini. Podemos agora adicionar a próxima geração do iPad Pro ao lote de dispositivos Apple a beneficiar de todo o poder deste vindouro processador.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.