Apple Fitness+: novidades chegam a Portugal no final do outono

Mónica Marques
Comentar

Ontem, na conferência Far Out, a Apple apresentou também novidades no seu serviço Fitness+. A partir de agora, os utilizadores iOS podem usufruir deste serviço mesmo sem terem um Apple Watch.

A nova atualização vai ser disponibilizada no final deste outono nos 21 países, onde o serviço está ativo. As boas notícias: Portugal está incluído!

Apple Fitness+ vai passar a funcionar sem o Apple Watch

Apple Fitness+
O iPhone vai ter acesso ao serviço Apple Fitness+ sem necessitar de um Apple Watch Crédito@Apple

Na sua conferência Far Out, a Apple não se limitou a apresentar os novos modelos do iPhone 14 e do Apple Watch, ainda que as luzes dos holofotes se tenham concentrado nestes equipamentos.

A empresa de Cupertino aproveitou a ocasião para apresentar também novidades no Apple Fitness+. A partir de agora, os utilizadores podem usar este serviço no iPhone sem necessitarem de um Apple Watch.

Mas há melhores notícias. A atualização vai ficar disponível no final do outono de 2022 em todos os 21 países em que o serviço está ativo, e nos quais Portugal está incluído!

Tal significa que os utilizadores podem aceder aos programas de treino, meditação, entre outros através do seu iPhone.

Outras novidades neste serviço serão as novas temporadas de Time to Walk e Time to Run, assim como a nova coleção Pilates for More Than Your Core.

“Desde o lançamento, há pouco menos de dois anos, chegaram-nos comentários incríveis dos utilizadores sobre a diferença que o Fitness+ está a fazer nas suas vidas. Estamos entusiasmados em levar o premiado serviço para mais pessoas, disponibilizando o Fitness+ para todos os utilizadores do iPhone ainda neste outono, mesmo que eles não tenham um Apple Watch”, afirmou Jay Blahnik, vice-presidente de Fitness Technologies da Apple, em comunicado.

Apple Fitness+ em Portugal

O Apple Fitness+ está já disponível em Portugal e na compra de um Apple Watch, todos os utilizadores ganham três meses deste serviço a título gratuito. Ao fim dos três meses, o utilizador pode subscrever uma assinatura do serviço, pagando 9,99 euros por mês ou 59,99 euros por ano.

O serviço conta com várias modalidades de treino disponíveis, entre as quais se encontram caminhada, bicicleta, dança, remo, Pilates, corrida na passadeira, meditação entre outros. Semanalmente, são também lançados novos exercícios e meditações com uma duração que varia entre os cinco e 45 minutos.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira.