Apple cancelou aquele que seria o iPad de 10ª geração mais barato

Carlos Oliveira
Comentar

Foi na semana passada que a Apple apresentou a nova geração dos seus tablets profissionais e o modelo de entrada. O último é o novo iPad de 10ª geração, finalmente com um design repensado, mas o seu preço deixou muita gente insatisfeita.

Este tão desejado modelo pode ser comprado em Portugal a partir dos 599 €, valor que se torna absurdo para muitos. Todavia, a Apple estaria a planear o lançamento de uma variante deste produto com uma redução significativa no seu preço de venda.

iPad de 10ª geração em plástico esteve nos planos da Apple

A informação é avançada Mark Gurman, conhecido jornalista da Bloomberg e com excelente histórico no que concerne a informações da Apple. Segundo ele, a empresa teve em mãos uma versão mais acessível do iPad de 10ª geração.

Apple iPad

Conforme adianta Gurman, esta variante do novo iPad teria um corpo construído em plástico. Este sacrifício foi pensado na redução de custos do produto que, segundo a fonte, deveria chegar ao mercado abaixo dos 500 dólares.

Ademais, este modelo traria um teclado removível na caixa também ele construído em plástico. Esta seria uma excelente novidade para todos os interessados no novo iPad de 10ª geração, em especial aqueles que queiram utilizar este produto para produtividade.

Por razões desconhecidas, a Apple terá abandonado este ideia e decidiu lançar para o mercado apenas o modelo que conhecemos. Este tem um corpo construído em alumínio e não traz um teclado removível na caixa.

O Magic Keyboard desenhado para este iPad de 10ª geração tem de ser adquirido em separado por um custo de 299 €. Sem contar com a compra da Apple Pencil, este conjunto do iPad que conhecemos ascende aos 898 €.

Nunca saberemos se a Apple equacionou efetivamente o lançamento do produto tal como aqui é descrito. Mas a olhar para o atual modelo de negócio da tecnológica americana, seria uma surpresa a empresa oferecer um teclado dentro da caixa do seu novo iPad.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.