Samsung cresce e Android é "sinónimo" de Smartphone segundo a Gartner

Rui Bacelar
Android Oreo smartphone Apple Samsung Gartner
Android é cada vez mais o sistema operativo mais popular do mundo

A Gartner é uma empresa de consultoria, fundada em 1979 e que desde então desenvolve vários estudos de mercado fornecendo a introspecção necessária para que seja claro o rumo e evolução de vários mercados. Entre eles temos o mercado de dispositivos móveis (smartphone, tablet, etc), sendo este claramente dominado pelo Android e pela Samsung.

Vê ainda: Motorola Moto X4 – Smartphone surpreende em novas fotos oficiais

Smartphone é cada vez mais sinónimo de Android que, por sua vez, é cada vez mais sinónimo de Samsung. De acordo com os dados desta agência e segundo também avança o site phonearena, as vendas de dispositivos móveis, sobretudo o smartphone, aumentaram 7.6% desde abril até ao final de junho de 2017.

Sistema operativo Android regista um forte crescimento

Segundo estes dados da Gartner, entre abril e junho de 2017 foram vendidos 366,2 milhões de smartphones. Destes, 87,7% utilizam o sistema operativo Android, da Google, ao passo que 12,1% utilizam o sistema operativo iOS da Apple.

Segundo Anshul Gupta, diretor de pesquisas na Gartner, esta subida do Android foi motivada pela crescente procura do smartphone de gama média, um equipamento que custe entre $150 a $200 dólares.

Android Oreo smartphone Apple Samsung Gartner
Dados da agência Gartner referentes ao período compreendido entre abril e junho de 2017

Samsung domina o mercado e o Android

Olhando para o ranking de construtoras vemos a clara dominância da Samsung perante as demais construtoras Android e mesmo sobre a Apple que se apresenta em 2º lugar. Ao passo que a sul-coreana aumentou a sua quota de mercado em 7.5% ao vender mais unidades durante este período. Nem mesmo o crescimento das marcas chinesas parece ter afetado o sucesso do smartphone Samsung Galaxy S8 ou S8+.

Samsung Galaxy J5 (2017) Samsung Galaxy J7 (2017) 4gnews Review Análise Smartphone
O Galaxy S8 vende muito bem mas são os gama de entrada como o Galaxy J5 (2017) que impulsionaram o crescimento do Android

Por sua vez, a gigante de Cupertino vendeu 44.3 milhões de iPhone's neste segundo trimestre de 2017. Segundo os analistas da Gartner as vendas dos iPhone's devem aumentar consideravelmente no último trimestre do ano face ao lançamento dos Apple iPhone 7s, iPhone 7s Plus e da edição comemorativa, o iPhone 8.

A Garner refere ainda que as vendas do iPhone 8 entre outubro e dezembro podem ser brandas devido à escassez da oferta uma vez que este smartphone não deverá estar presente em grandes quantidades no mercado.

Para Ming-Chi Kuo, analista da empresa KGI Securities, a Apple terá entre 2 milhões a 4 milhões de unidades do iPhone 8 prontas para o lançamento em finais de setembro, início de outubro. Mesmo assim, a Gartner prevê um forte último trimestre para a Apple devido aos novos iPhone's e às suas mudanças, sobretudo com o iOS 11 e uma Siri mais inteligente. Pequenos incrementos que aumentarão bastante as vendas.

Huawei garante o 3º lugar e o 2º no mundo Android

Com 36 milhões de smartphones vendidos neste período a Huawei garantiu o 3º lugar no ranking de vendas e o 2º lugar no mundo Android. São resultados impressionantes e que refletem o crescimento de 17% face ao mesmo período de 2016. De momento a construtora chinesa conta com 9.8% de marketshare (quota de mercado) e aproxima-se cada vez mais das líderes, Apple e Samsung.

Por diversas vezes a Huawei declarou as suas intenções em ultrapassar tanto a Samsung como a Apple, tornando-se sinónimo de smartphone e de Android. Objectivo que a Huawei traçou para 2021 e que, para todos os efeitos, parece estar no bom caminho para atingir tal fim.

Smartphone, Android e topo do mercado, o grande objectivo da Huawei

Contudo, registando um crescimento de 44.1% face aos valores de 2016, a OPPO foi uma das construtoras que mais cresceu, obtendo um marketshare de 7.1% com os seus 26,1 milhões de smartphones vendidos.

Temos ainda a Vivo, esta com um estrondoso crescimento de 70,8% face aos valores de 2016 e que agora vendeu 14,2 milhões de smartphones, obtendo assim 6,6% de quota de mercado. Foi a construtora que mais cresceu.

É evidente que são as construtoras chinesas as que mais tem crescido nos últimos anos. Contudo, a Samsung viu reforçada a sua já confortável margem de superioridade no que diz respeito ao número de unidades vendidas. Da mesma forma o Android continua a ser o sistema operativo mais popular do mundo, sem que isto, todavia, retire algum crédito à Apple pelo seu nicho dourado que nenhuma outra construtora é capaz de imitar.

Gartner Smartphone Samsung Galaxy Note 8 Android
O Galaxy Note8 chega na melhor altura possível para a Samsung

Construtoras chinesas como a Huawei continuam a crescer, sem que isto abale a Samsung.

Note-se, por último, que a sul-coreana Samsung acabou de lançar o seu maior e mais caro smartphone de sempre.

O Galaxy Note 8 quebra finalmente a barreira dos quatro dígitos e fá-lo numa altura em que esta construtora usufrui de uma posição altamente dominante no mercado de dispositivos móveis. Em suma, o futuro parece cada vez mais dourado para a Samsung.

Para mais informações sobre este tema, mais dicas e tudo o que é tecnologia falada em português segue a 4gnews. Acompanha-nos no Facebook, Instagram e claro, no YouTube onde terás também as nossas LiveCasts semanais.

Como vês estes dados da Gartner? Conseguirá a Huawei alcançar a Apple, e poderá esta, por sua vez, encurtar a distância face à liderança da Samsung com o lançamento da próximo geração de iPhone's?

Sabe mais sobre o Samsung Galaxy Note 8:

Samsung Galaxy Note 8: Todas as especificações ao pormenor

Samsung Galaxy Note 8: Data de chegada às lojas e possível preço

Samsung Galaxy Note 8 já é oficial – Chegou para dominar o Android!

Samsung Galaxy Note8 – S Pen, acessórios e extras da Harman Kardon

Preço do Samsung Galaxy Note8 é superior ao esperado

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.