Já há quem consiga colocar o Android a correr numa Nintendo Switch

Carlos Oliveira

O Android é um dos sistemas operativos mais populares do mundo. Desse modo, existe uma certa vontade de alguns aventureiros em colocá-lo a correr em dispositivos que não smartphones. O caso mais recente deste paradigma envolve uma Nintendo Switch.

O desejo de colocar o Android a correr numa Nintendo Switch não é novo. Ainda na semana passada vimos esta consola com a imagem de arranque do sistema operativo da Google. Há data era apenas isso, uma vez que o SO não era capaz de arrancar.

Nintendo Switch Android

No entanto, as coisas evoluíram e temos agora a prova de que é efetivamente possível correr o Android da Nintendo Switch. O vídeo colocado na rede social Twitter mostra-nos a versão Q deste software em pleno funcionamento.

Android Q a correr numa Nintendo Switch já é possível

No vídeo em questão é possível ver que grande parte das funcionalidades do Android estão disponíveis. Com efeito, denota-se que o touch está funcional, é possível ligar-se a uma rede Wi-Fi ou mesmo utilizar os controlos da Switch para interagir com o software.

Todavia, vemos que a sua fluidez está longe da que podemos encontrar num smartphone. Também os esquemas de cor parecem um pouco desajustados. Tal deve-se à ainda não utilização da GPU da consola. Talvez pela falta dos drivers necessários.

Em todo o caso, está dado o primeiro passo para a introdução do Android na consola da Nintendo. Mas também é certo que há ainda um caminho a percorrer até que este software corra de forma fluída neste tipo de hardware.

Se és um entusiasta de tecnologia e procuras novos desafios, aqui está mais um para ti. Ainda assim, tem em conta que este é ainda um projeto embrionário, portanto, não esperes correr jogos nesta fase.

Editores 4gnwes recomendam:

Sony Xperia 1 é o primeiro topo de gama com ecrã OLED 4K

Mensagens Android vão receber a integração da Assistente Google

Serão estes os óculos inteligentes que usaremos no futuro?

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.