Android 12 dará nova vida às pesquisas feitas em launchers de terceiros

Carlos Oliveira
Comentar

O Android é incrível pelo nível de personalização que oferece aos seus utilizadores, nomeadamente a possibilidade de instalar launchers personalizados. Contudo, estes mantêm-se um passo atrás do Pixel Launcher nas suas capacidades de pesquisa.

Com a libertação do Android 12, esta desvantagem passará a ser coisa do passado. De acordo com a descoberta feita pelos responsáveis do Niagara Launcher, passará a ser possível fazer uma pesquisa universal, mesmo em launchers de terceiros.

I stumbled upon this in Android 12's preview documentation. Android 12 might allow all launchers to integrate a universal search like spotlight🔍 pic.twitter.com/gkucmPZtNb

— Niagara Launcher - Now out of Beta (@NiagaraLauncher) 3 de abril de 2021

Pesquisa na web ou nas aplicações passará a ser possível mesmo com launchers personalizados

Atualmente, quem usar a pesquisa embutida no Pixel Launcher ou no widget da Google recebe resultados tanto das aplicações instaladas no smartphone como da internet. Ou seja, se pesquisares por WhatsApp num destes locais, recebes resultados tanto da aplicação que tens no smartphone como da web.

Este comportamento, no entanto, não consegue ser replicado por qualquer outro launcher que possas instalar no teu equipamento. Seja o tão popular Nova Launcher ou outro qualquer, todos os resultados estão cingidos às aplicações presentes no smartphone.

Com a implementação de uma nova API no Android 12, a pesquisa universal estará ao alcance de qualquer launcher. Seja aquele que vem por defeito com o smartphone ou um da tua preferência, o alcance dos resultados será precisamente o mesmo.

Esta funcionalidade dará ao Android uma maior uniformidade a todos os seus utilizadores. Barreiras serão abolidas e assim todos terão direito à mesma experiência, independentemente do seu launcher de eleição.

Importa, contudo, apontar que esta funcionalidade ainda não está disponível nas versões de testes do Android 12. Esperemos que a Google decida implementar esta nova função na versão final do seu software.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.