Análise: Wiko Lenny 3 Max – Bastará ser barato? | Review

Análise completa ao smartphone Wiko Lenny 3 Max

Este é o Wiko Lenny 3 Max, um smartphone económico que apresenta alguns pontos fortes. Desde logo, o seu preço que à data desta análise ronda os 140€, desbloqueado, nas lojas físicas nacionais. Agradecemos à Wiko Portugal a cedência do equipamento para teste e, sem mais delongas, eis a sua análise/review completa.

O mercado dos smartphone é particularmente competitivo e apresenta-nos imensas alternativas para cada escalão de preços. Por isso mesmo, consultar várias análises antes de investirmos num equipamento é de vital importância, sendo este um dos objectivos primordiais da 4gnews.

   

Fazer uma análise justa a um smartphone implica a sua utilização diária durante, pelo menos uma semana. Desta forma podemos avaliar a sua prestação no quotidiano. Desde o design, qualidade de construção, performance, interface, câmara e bateria, são vários os aspectos a analisar.

Design e qualidade de construção

Wiko Lenny 3 Max
O Wiko Lenny 3 Max está disponível em Cinzento e Dourado

Disponível em Cinzento e Dourado, o Wiko Lenny 3 Max não prima pela elegância mas destaca-se pela robustez. Sentimos que é um smartphone pesado, com 177gramas, e bastante espesso com 9.9mm. Não conseguimos ignorar a sua presença no bolso, tampouco a sua solidez quando pegamos nele.

Par um smartphone de gama baixa, o Wiko Lenny 3 Max é bem construído, sem rangidos e com o toque agradável do metal que reveste todo o seu painel traseiro e as suas laterais. Esta “tampa” traseira é amovível para poderes aceder às duas slots para cartões micro-SIM e à slot do cartão microSD para poderes aumentar a sua memória interna até 64GB.

Em suma, não é propriamente um smartphone bonito, sendo este aspecto bastante subjectivo, mas é durável e, sobretudo para o seu preço médio (140€) destaca-se pela sua construção, modesta mas eficaz. A estrutura principal do Wiko Lenny 3 Max é plástica mas, maioritariamente revestida pela “casca” metálica. Faltou apenas um revestimento oleofóbico no ecrã / tela.

Wiko Lenny 3 Max
Aresta superior do Wiko Lenny 3 Max

Os botões do Wiko Lenny 3 Max,  (On/Off e Seletor de volume) possuem um bom clique, estando localizados na lateral direita. Na aresta superior encontramos a porta microUSB para carregamento e transferência de dados e carregamento. Encontramos ainda a porta jack de 3.5mm. Na sua traseira temos o altifalante único cujo som não desilude, nem surpreende.

Os botões de navegação, na margem inferior do painel frontal não são retro-iluminados e, consequentemente, não são fáceis de encontrar à noite, por exemplo.

Performance / Desempenho do Wiko Lenny 3 Max

Atentemos agora na Performance e Desempenho do Wiko Lenny 3 Max nas tarefas do dia-a-dia, desde as mais simples (comunicações) às mais exigentes (jogos e multimédia).

Em primeiro lugar, o Wiko Lenny 3 Max vem equipado com um processador da MediaTek, o MT6580 que tem 4 núcleos de processamento com velocidades até 1.3 Ghz. É acompanhado pela gráfica Mali-400 MP2, além de 2GB de memória RAM e 16GB de memória interna expansível via microSD até 64GB.

As suas especificações num vislumbre:

  • Ecrã de 5 polegadas IPS LCD
  • Resolução HD 1280 x 720p
  • Processador Mediatek MT6580 quad-core a 1.3Ghz
  • 2GB de memória RAM
  • 16GB de armazenamento interno
  • Expansível via microSD
  • Bateria de 4900mAh
  • Android 6.0 Marshmallow
  • Câmara traseira de 8MP
  • Câmara frontal de 5MP

Relativamente à sua performance ou desempenho nas tarefas do dia-a-dia, o Wiko Lenny 3 Max consegue providenciar um nível mínimo de fluidez e utilização sem lag. Contudo, nos primeiros 3 dias de utilização, o smartphone apresentava um notório atraso no registo dos toques (touch input), e frequentes quebras de desempenho, transversal a qualquer aplicação.

Estabilizado o software, o Wiko Lenny 3 Max começou a ser mais agradável de utilizar. Passou a ser mais estável, e, apesar de não ser rápido, não me deu dores de cabeça na utilização diária. Sentimos, claro, que as aplicações demoram mais tempo a abrir e os jogos ainda mais. Neste ponto, o smartphone consegue correr a maioria dos títulos mas, devido às limitações do SoC e da GPU, o frame rate é manifestamente baixo e alguns jogos perdem a fluidez e a piada.

 Wiko Lenny 3 Max
As especificações do Wiko Lenny 3 Max (note-se o ecrã pejado de dedadas)

Para o seu preço, não estava à espera de uma performance fenomenal mas confesso que os primeiros dias com o Wiko Lenny 3 Max foram penosos. A restante semana já foi bem mais suportável e acabemos por nos habituar ao seu passo, mais lento mas constante. Em suma, o desempenho deste smartphone é adequado ao seu escalão de preços.

A UI ou interface da Wiko é baseada no Android 6.0 Marshmallow e dá-nos uma experiência de utilização intuitiva, simples, pontuada por algum software pré-instalado mas, na sua maioria, útil. Temos um gestor de ficheiros e otimizador geral do smartphone que te limpa a RAM sempre que necessário. O modo de poupança de bateria também consegue destacar-se positivamente. Já o anti-virus instalado de origem é daqueles programas que deves desativar logo que possível, apenas te consome os recursos já de si limitados.

Interface esta que em certos aspectos se mantém fiel ao Android, por exemplo na aplicação de Chamadas e SMS, mas totalmente personalizado pela Wiko no Reprodutor de Música, Vídeo, Galeria e outras aplicações de sistema.

Ecrã / Tela do Wiko Lenny 3 Max

Wiko Lenny 3 Max
Ecrã de 5 polegadas com resolução HD

O ecrã do Wiko Lenny 3 Max tem 5 polegadas, tecnologia IPS LCD, resolução 720p HD com uma densidade de 294ppi (pixels por polegada), aparentemente sem qualquer revestimento oleofóbico o que faz com que toda a superfície se suje muito rapidamente.

A nível de visualização as suas cores são pouco saturadas, não muito vívidas e ou ricas. Em suma, uma experiência de visualização que deixa muito a desejar. Todo o ecrã tem um aspecto muito brando e, adicionando a facilidade com que este se suja, este foi o aspecto que menos gostei no Wiko Lenny 3 Max.

O brilho (tanto no limite máximo como mínimo) é satisfatório, tal como os ângulos de visão. Contudo, a visualização ao ar livre não é nada agradável, não sendo fácil ler ou ver os conteúdos quando o sol incide no ecrã.
Em suma, o ecrã deste Wiko Lenny 3 Max acaba por ser o seu calcanhar de Aquiles. Por vezes demora a reconhecer o toque (touch input), rapidamente fica sujo, pejado de dedadas e não só, sendo preciso uma mão firme para o limpar.

A resolução e saturação de cores é o mal menor desta tela. Aliás, é perfeitamente enquadrada no escalão de preços do Wiko Lenny 3 Max mas não consigo perdoar a falta de um revestimento oleofóbico pois acaba por comprometer toda a experiência de visualização.

Câmaras: Fotografia e Vídeo

Wiko Lenny 3 Max
Câmara principal de 8MP

A câmara fotográfica principal do Wiko Lenny 3 Max tem 8MP (3264 x 2448p) com flash-LED, já a sua câmara frontal tem 5MP. A interface da câmara é simples mas consegue ser intuitiva e de fácil utilização. Temos muitos modos de fotografia como o modo Panorama, Beleza para Rostos, HDR, entre outros.

As fotografias capturadas com o Wiko Lenny 3 Max vão de encontro ao escalão de preços deste equipamento. Dito isto, servirão para algumas fotos casuais, sobretudo com boa iluminação natural. Conseguimos alguns resultados satisfatórios mas, sem grande detalhe e qualidade geral medíocre.

Temos aqui alguns detalhes, equilíbrio de cores nem sempre acertado, tal como a exposição da foto, especialmente quando as condições de luminosidade não são ideais. Já a sua câmara frontal consegue capturar algumas selfies perfeitamente satisfatórias.

Wiko Lenny 3 Max
Câmara principal de 8MP

A gravação de vídeo, em ambas as câmaras, é feita a 1080p Full-HD e aqui o Wiko Lenny 3 Max consegue capturar alguns vídeos minimamente utilizáveis. Em suma, é uma câmara que não surpreende mas que também não desilude. Consegue cumprir os requisitos mínimos de qualidade, tanto em foto como em vídeo.

Autonomia de Bateria do Wiko Lenny 3 Max

É aqui que o Wiko Lenny 3 Max se destaca. Com uma bateria de 4900mAh conseguimos ter uma autonomia para dois dias de utilização normal e, com alguma ginástica (utilização mais comedida), não é de todo impossível chegar aos três dias de utilização.

Wiko Lenny 3 Max
Bateria não removível de 4900mAh

Tendo em conta o seu ecrã com resolução HD 720p e processador comedido, percebi como é que este Wiko Lenny 3 Max consegue poupar tanta energia ou, pelo menos gerir eficazmente o seu consumo energético e dar-nos perfeitamente mais do que um dia de utilização. Mesmo com a conexão 3G ativa, Bluetooth e outras conectividades o Wiko Lenny 3 Max aguenta-se bem ao longo de dois dias.

Em alternativa, se fores um gamer (se bem que a experiência de jogo neste smartphone se resume a títulos poucos exigentes) tens aqui um smartphone que te aguente um dia de intenso jogo, algo bastante raro hoje em dia e ainda te sobrará energia. Uma utilização média e equilibrada proporciona-te um dia e meio de autonomia com até 5 horas e meia de ecrã ligado em brilho automático.

Conclusão

Wiko Lenny 3 Max

Será este Wiko Lenny 3 Max uma boa opção por cerca de 140€ em loja física nacional? Sim, sem dúvida. Contudo, fica ciente das suas limitações e pontos menos fortes.

A bateria é o seu maior trunfo apesar de lhe acrescentar bastante espessura e peso. O desempenho e poder de processamento vão de encontro ao seu escalão de preços. Já o seu ecrã, esse deixa bastante a desejar se pesarmos todos os factores. As suas câmaras conseguem proporcionar algumas fotografias utilizáveis e umas selfies agradáveis.

Para o seu preço, o Wiko Lenny 3 Max apresenta-se como uma aposta viável em loja física nacional, para primeiro smartphone, para opção económica, se bem que o seu preço ideal deveria rondar os 100€.

Outros artigos relevantes:

Google é levada a tribunal por disparidades salariais com base no género

Xiaomi Mi Note 3 poderá contar com uns brutos 8GB de RAM

5 características esperadas no OnePlus 5 que vão arrumar com a concorrência 

Pontuação 4gnews
Design
5
Qualidade de Construção
7
Performance / Desempenho
6
Ecrã / Tela
5
Interface / UI
7
Autonomia
8.5
Qualidade / Preço
7

Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).