Análise / Review ao Huawei Nexus 6P : O topo de gama que a Google merece

Rui Bacelar

Os smartphones da linha Nexus são os embaixadores das novas versões do sistema operativo Android e este ano temos não um mas dois equipamentos. Esta é a nossa análise escrita ao Huawei Nexus 6P, o maior, mais potente e verdadeiramente premium dos dos novos smartphones da Google.

A Huawei estreia-se na construção dos smartphones da Google e não poderia ter começado de melhor forma. Desde o primeiro momento em que pegamos neste dispositivo e que sentimos o frio metal que o reveste e que lhe dá corpo, rapidamente chegamos à conclusão de que estamos a lidar com um dispositivo premium. Este Huawei Nexus 6P é um exemplo do potencial da marca que o executou e pessoalmente, não poderia estar mais satisfeito com a sua robustez e os seus acabamentos.

Unboxing e Primeiras Impressões:

O seu unboxing é relativamente simples. Temos aqui uma caixa em cartão branco, com alguns baixos-relevos, pouca cor e muita sobriedade. Uma caixa pura para um smartphone que traz o sistema operativo Android 6.0 Marshmallow no seu estado mais puro.

Na caixa encontrarás:

  • Huawei Nexus 6P
  • Carregador USB (fast charger)
  • Cabo USB do tipo C (1 interface)
  • Cabo USB do tipo C (2 interfaces)
  • Vale para o Google Play Music
  • Manuais, guias e informações legais

Design e Qualidade de Construção

O Huawei Nexus 6P encontrarás dois altifalantes frontais com volume suficiente para encher uma pequena sala graças ao seu volume. O som tem bastante corpo e pouca distorção e escusado será dizer que esta é a posição perfeita para quem gosta de jogar no smartphone ou mesmo para ouvir música e vídeos.

Construção metálica e requintada

Ecrã

O Huawei Nexus 6P como meu equipamento diário não tive qualquer queixa relativamente ao seu ecrã que, aliás, é protegido pelo vidro Gorilla Glass 4.

Um ecrã vibrante, uma experiência de visualização óptima

Desempenho e especificações

Este é o mais poderoso dos novos smartphones Nexus. Equipado com o processador Snapdragon 810 da Qualcomm (que já não aquece em demasia), 3GB de memória RAM e um Android 6.0 no seu estado mais puro. Escusado será dizer que a navegação e utilização deste equipamento é sempre rápida, fluída e um autêntico prazer. Este equipamento obteve 91126 pontos na aplicação de testes AnTuTu.

A sua interface é leve, sem aplicações inúteis ou bloatware, e mesmo poucas aplicações nativas da Google. Neste Huawei Nexus 6P estará sempre na linha da frente para receber as actualizações de software.

O Android 6.0 Marshmallow é intuitivo, leve e prático

As suas especificações técnicas:

  • Ecrã de 5.7 polegadas AMOLED protegido por Gorilla Glass 4
  • Resolução Quad-HD 1440p com 518
  • Processador Snapdragon 810, octa-core com 4 núcleos a 2.0GHz e 4 núcleos a 1.55Ghz
  • 3GB de memória RAM
  • 64GB de armazenamento interno
  • Bateria de 3450 mAh com fast charging
  • Android 6.0 Marshmallow
  • Leitor de impressões digitais

As câmaras do Huawei Nexus 6P

Com uma câmara traseira de 12.3MP, um sensor da Sony com uma abertura focal de f/2.0 para te deixar entrar muita luz em cada foto e com um mecanismo de laser autofocus, os resultados eram promissores mas nada me preparava para a qualidade com que me deparei ao ver as fotos no computador. Digo isto porque o ecrã AMOLED tende a favorecer certos tons e para eficazmente avaliar a sua performance é sempre necessário ver os resultados num ecrã maior.

Com efeito, as fotos capturadas pelo Vê, aqui, todas as fotos capturadas com o Huawei Nexus 6P em alta-resolução.

Finalmente, a câmara dos Nexus está à altura dos concorrentes.

Autonomia de Bateria

No interior deste Huawei Nexus 6P temos uma bateria de 3450mAh com carregamento rápido e respectivo carregador incluído.

Durante a minha utilização consegui retirar daqui um dia de uso bem intensivo com jogos, vídeos, GPS e Bluetooth ligado, chegando ao final do dia com uns 20% de bateria restante.

Com uma utilização normal sem grandes jogos mas com música, alguns vídeos e claro, comunicações, conseguimos dois dias de autonomia sem grande esforço. Aliás, esta bateria surpreendeu-me pela sua duração em stand-by e isto deve-se a uma das novas funcionalidade do Android 6.0 Marshmallow, a Doze.

Esta função, quando sente que todos os sensores do equipamento estão em repouso, vai fechar e hibernar profundamente todas as aplicações, aumentando assim consideravelmente a duração da sua bateria, como aliás podem comprovar pelo gráfica abaixo.

A "Doze" aumenta consideravelmente a autonomia de bateria

Conclusão

O Huawei Nexus 6P é um dispositivo muito equilibrado em todos os pontos chave. Tem uma excelente construção, tem actualizações garantidas, uma câmara excelente, uma autonomia de bateria acima da média, a qualidade de chamada e o altifalante são perfeitos, a sua interface não podia ser mais leve e fácil de utilizar. Em suma, tenho a certeza de que vais adorar este smartphone tanto quanto eu.

Quero agradecer à Huawei Portugal pela cedência deste equipamento para teste e termino esta análise com duas simples afirmações. Este é o flagship que a Google merece e a Huawei fez um excelente trabalho na construção e desenvolvimento deste smartphone.

Talvez queiras ver:
  • Análise ao OnePlus X: O melhor smartphone por menos de 300€
  • BQ Aquaris X5 Cyanogen – Análise em Português
  • Análise / Review ao Huawei Mate 8
Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.