Amazon precisará apenas da tua mão para te identificar, revela nova patente

Vitor Urbano
Comentar

As lojas Amazon Go continuam a apresentar uma grande expansão, especialmente nos Estados Unidos. Atualmente, estas lojas que não têm funcionários, recorrem à leitura da aplicação no smartphone dos utilizadores para os identificar. No entanto, essa forma de identificação poderá em breve ser renovada.

De acordo com uma nova patente registada com o Patent and Trademark Office nos Estados Unidos, a Amazon registou a patente para uma nova tecnologia que, precisa apenas de fazer scan a ambas as mãos para reconhecer o utilizador.

Amazon Go Patente

Esta não é a primeira aplicação para uma tecnologia desta natureza

Ainda que o registo desta patente não signifique que a empresa vá realmente desenvolver e aplicar esta nova tecnologia, já é conhecido que estão a testar uma tecnologia semelhante. Na grande cadeia Whole Foods, a Amazon está a testar uma nova tecnologia de pagamento, onde os utilizadores apenas precisam de proceder com a leitura das suas mãos.

Assim sendo, tudo indica que caso estes testes sejam realizados com sucesso, a Amazon poderá expandir a utilização da nova tecnologia para as lojas Amazon Go. Além disso, grande parte da equipa listada no desenvolvimento desta tecnologia são funcionários da Amazon Go.

Obviamente, este tipo de tecnologia vai acabar por levantar ainda mais controvérsia sobre os vários riscos relacionados com a privacidade dos utilizadores. Mas esse tipo de problema nunca foi impeditivo para que a Amazon implementasse novas tecnologias.

Amazon Patente sensor biométrico

Descrição da patente explica como funcionará esta tecnologia

A descrição que acompanha a patente dá-nos uma ideia muito clara como irá funcionar este novo sensor biométrico. Basicamente, irá captar dois grupos de imagens que servirão para identificar os utilizadores.

O primeiro set de imagens vai servir para identificar características externas da mão. Enquanto o segundo set servirá para identificar elementos internos, tal como veias, ossos e tecidos moles.

Ainda na patente, é feita referência a uma possível utilização desta tecnologia. O dispositivo pode ser colocado numa loja e cada "leitura" pode ser associada a uma conta pessoal. Desta forma, quando um utilizador recolhe produtos da loja, a empresa poderá facilmente cobrar o valor associado na sua conta.

Editores 4gnews recomendam:

Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.