A mascote da Xiaomi (Mi Bunny) já tem o seu próprio jogo!

Filipe Alves
1 comentário

A Xiaomi surpreendeu ao criar um jogo inteiramente dedicado ao Mi Bunny, a sua mascote oficial. O jogo é do estilo Minecraft e isto significa que os jogadores terão um mundo aberto pronto a ser explorado.

Os detalhes do jogo não foram referidos em concreto. Até porque o jogo é primeiramente destinado à China, porém, espera-se que venha a sair para PC e smartphone. Visto que o público asiático é viciado em jogos e smartphones, a Xiaomi aqui a fórmula correta para espalhar ainda mais o nome da marca.

Trailer do jogo da mascote da Xiaomi, Mi Bunny

O trailer é fascinante para que gosta deste tipo de jogos. Um jogo simples mas onde o único limite é a tua imaginação. Poderás construir, destruir e interagir com outros utilizadores.

Xiaomi Mi Bunny mascote

O jogo com o nome de "Mini World Mitu" promete prender os amantes da marca e não só. Não é por acaso que foi escolhido um formato que já mostrou ter sucesso em todo o mundo.

Xiaomi prepara-se para investir mais na Europa

Numa nota fora do jogo, vale a pena salientar que a Xiaomi está cada vez mais a investir na Europa e em Portugal. Depois de ter aberto 4 lojas físicas num espaço de 6 meses em Portugal, fala-se que 2020 será um ano onde teremos mais umas quantas.

Portugal pode até ser um país pequeno quando comparado com a população de mil milhões da China, porém, é um mercado importante para o domínio da Xiaomi na Europa. A aposta da Península Ibérica é o exemplo disso mesmo.

Isto porque Portugal, tal como o mercado espanhol e italiano, tendem em investir menos em smartphones e gadgets devido à falta de possibilidades vantajosas para os clientes em serviço pós-pago. Algo que não acontece na França, Alemanha ou Reino Unido.

Esperemos que a aposta da Xiaomi se mostre forte. Foi aí que a Huawei entrou há uns anos. A verdade é que a Huawei tem vindo a dominar o território português.

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.