Xiaomi resolve um dos maiores problemas nas suas câmaras de segurança!

Filipe Alves
Comentar

Quem está a pensar em instalar câmaras de segurança em casa, é mais do que óbvio que olhará para as opções da Xiaomi. A empresa asiática tem um vasto leque de opções a um preço bem mais apelativo do que a concorrência.

Contudo, nos últimos tempos as suas câmaras de segurança não eram propriamente seguras. Utilizadores reclamavam que por algum motivo estavam a ver imagens que não eram das suas câmaras. O problema confirmou-se e a Google retirou o acesso das câmaras da Xiaomi à Google Assistant.

Xiaomi garante que o problema das suas câmaras de segurança foi resolvido

Xiaomi câmaras de segurança problema

Rapidamente a Xiaomi lançou um patch de segurança que revertia o problema presenciado nas câmaras. Um pequeno "remendo" que chegou por atualização e que deu à Google confiança para voltar a dar o acesso à Xiaomi à sua assistente.

Pois bem, a fabricante referiu agora que tudo foi resolvido e que não há nada a temer. O remendo deixou de ser remendo para se transformar na atualização que resolve o problema de uma vez por todas.

Comunicado da Xiaomi sobre a situação

Pode-se ler no comunicado da Xiaomi "Confirmamos que resolvemos completamente a causa raiz desse problema e o serviço de integração do Google da Xiaomi foi reiniciado a partir de 16 de janeiro. Agora, os utilizadores podem usar os serviços de câmara de segurança Mi da Xiaomi por meio de dispositivos Nest.

Na Xiaomi, tomamos a privacidade do utilizador e a segurança das suas informações como prioridade máxima. Lamentamos sinceramente qualquer inconveniente causado aos utilizadores afetados. Tomaremos medidas ainda mais fortes para evitar esses incidentes no futuro."

Com o problema resolvido, as câmaras de segurança da Xiaomi voltam a ser uma opção viável para tornar a tua casa mais segura. Não só a empresa oferece produtos de qualidade com um serviço de streaming de imagem para o teu smartphone com avisos, como também concilia tudo isso a um preço que todos podem pagar.

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.