Xiaomi Redmi K30 (Mi 10T) vai suportar 5G, mas terá processador MediaTek

Vitor Urbano
Comentar

O Xiaomi Redmi K30 deverá apresentar-se como o mais acessível smartphone topo de gama com suporte para redes 5G. No entanto, de acordo com novas informações, para que isso aconteça, é possível que a fabricante opte por utilizar um processador MediaTek.

Ainda que muitos utilizadores continuem a não gostar de smartphones com processadores MediaTek, a empresa tem apresentado novos chips muito interessantes, que se colocam lado a lado com as ofertas da Qualcomm.

Xiaomi Redmi K30

O que sabemos sobre o Xiaomi Redmi K30

Acredita-se que a sua apresentação vá acontecer durante o primeiro trimestre de 2020 e que se apresente como um verdadeiro topo de gama. As novas informações vêm confirmar isso mesmo, considerando as recentes revelações feitas pela MediaTek. De acordo com a fabricante, estão a desenvolver um novo processador topo de gama com suporte para 5G, que estará pronto para fabrico em massa já no início de 2020.

Assim como acontece com as atuais ofertas da Qualcomm e MediaTek, também este novo processador chegará ao mercado com um preço mais acessível. Esta será possivelmente a estratégia da Redmi para conseguir lançar o mais barato smartphone topo de gama com suporte para 5G.

Xiaomi Redmi K30 MediaTek

Para já, ainda não temos quase informações sobre o novo smartphone. No entanto, será de esperar que siga a mesma linha estratégica apresentada pelo seu antecessor. Ou seja, deverá chegar com especificações topo de gama, funcionalidades inovadoras e um preço bastante acessível.

Além do modelo normal, é de esperar que também o Redmi K30 chegue com um segundo modelo "Pro", oferecendo especificações ainda mais impressionantes.

Considerando que a Xiaomi vai ter dois grande eventos durante esta semana, espera-se que novas informações sobre o Xiaomi Redmi K30 comecem a surgir já a partir da próxima semana.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.