oficial Xiaomi Redmi 5 e Redmi 5 Plus
Aqui estão eles em plena glória

É oficial. A Xiaomi finalmente acaba mais uma novela, desta vez com um final feliz ao oficializar os seus modelos Xiaomi Redmi 5 e Xiaomi Redmi 5 Plus. Durante um evento que decorreu em Beijinh, China, o seu país natal. Estes dois smartphones são o primeiro duo da fabricante chinesa a incorporar o tão aclamado ecrã de ponta a ponta, nos seus smartphones.

Design do Xiaomi Redmi 5 e Redmi 5 Plus

Começando por aquilo que não mudou, a traseira do equipamento. Em equipa que ganha a táctica não muda, e bem as traseiras dos equipamentos da Xiaomi são, na minha opinião, das mais elegantes em termos de smartphones.

Vê ainda: 27 Apps gratuitas na Google Play Store para o teu Android

   

A sua estrututa é feita unicamente em metal e as dimensões para o Xiaomi Redmi 5 são: 151,8 X 72,8 X 7.7mm e pesa 157gramas; enquanto que para o Xiaomi Redmi 5 Plus são: 158.8 X 75,45 X 8,05 mm e pesa 179,5 gramas. A diferença no peso do smartphone está associada ao tamanho da bateria, que no caso da versão Plus é maior.

Para tristeza de muitos, ainda não é desta que vemos um ecrã com leitor de impressão digital embutido diretamente na tela. No entanto, a Xiaomi decidiu equipar estes equipamentos com os tradicionais botões capacitivos. O sensor biométrico está localizado na sua traseira.

O sensor que permite o desbloqueio do equipamento encontra-se no painel traseiro, bem à luz do que a linha Redmi nos está habituada a presentear. Note-se ainda a sua construção metálica e o refrescante esquema de cores para este equipamento.

Quem olha com atenção para estes terminais poderá achar que se trata de um equipamento frágil por ter um ecrã grande e umas margens tão finas. De acordo com a marca, isso não é problema e esta garante que se trata de um equipamento bastante sólido.

Especificações do Xiaomi Redmi 5 e Xiaomi Redmi 5 Plus

  • Ecrã 5.7 polegadas HD+ com resolução 720 X 1440 pixéis
  • rácio de 18:9
  • Processador Qualcomm Snapdragon 450 a 1.8 GHz
  • 2GB RAM / 16GB ROM ou 3GB RAM / 32 GB ROM
  • GPU Adreno 506
  • Suporte dois cartões SIM
  • Suporta 4G, Wi-Fi 802.11 b/g/n, 4.2 Bluetooth, 3.5mm jack audio e Bluetooth
  • Bateria 3,300 mAh
  • Câmara traseira de 12MP com f/2.2 e um sensor 1.25 µm equipado com um flash suave LED.
  • Câmara frontal de 5MP com a tecnologia Smart Beauty 5.0
  • Permite gravação fullHD a 30 fps.
  • Android 7.0 com a interface MIUI 9
  • Expansão por cartão MicroSD
  • Carregamento por MicroUSB

Os preços fixam-se pelos 120 dólares / 100 euros para a versão de 2GB RAM / 16GB ROM e 135 dólares / 115 euros para a versão de 3GB RAM / 32 GB ROM. Estes preços foram indicados para o mercado chinês e poderemos ver aqui algumas flutuações assim que cheguem às revendedoras online.

Finalizando com o grande Xiaomi Redmi 5 Plus:

  • Ecrã 5.99 polegadas Full HD+ com resolução 2160 X 1080 pixéis
  • Rácio de 18:9
  • Processador Qualcomm Snapdragon 625
  • 3GB RAM / 32GB ROM ou 4GB RAM / 64 GB ROM
  • GPU Adreno 506
  • Suporte dois cartões SIM
  • Suporta 4G, Wi-Fi 802.11 b/g/n, 4.2 Bluetooth, 3.5mm jack audio e Bluetooth
  • Bateria 4,000 mAh com autonomia para 2 dias
  • Câmara traseira de 12 MP com f/2.2 e um sensor 1.25 µm
  • Equipado com um flash suave LED.
  • Câmara frontal de 5MP com tecnologia Smart Beauty 5.0
  • Permite gravação Full-HD a 30 fps.
  • Android 7.0 com a interface MIUI 9
  • Expansão por cartão MicroSD
  • Carregamento por Micro USB

Os preços do Xiaomi Redmi 5 Plus serão de 151 dólares / 128 euros para a versão de 3GB RAM / 32GB ROM e de 196 dólares / 166 euros para a versão de 4GB RAM / 64 GB ROM. Estes foram os valores apontados para o mercado chinês. Poderemos ver algumas flutuações quando chegarem às plataformas de venda online.

Concluindo, estes novos equipamentos apresentados pela gigante tecnológica chinesa fazem parte de um ciclo começado aquando da apresentação da linha Mix, que rapidamente se propagou às restantes marcas.

Qual a tua opinião sobre estes novos Xiaomi?

É indiscutível que a tendência dos terminais sem bordas foi iniciada pela Xiaomi. E é mais incrível ainda como passou a ser uma tendência praticamente aceite por todos. A sua chegada a equipamentos de baixa gama era uma questão de tempo.

Caso queiras, e para não perderes os próximos artigos, listas, dicas e análises, fiquem atentos às nossas redes sociais como a página de FacebookInstagram e claro, no YouTube onde terás também as nossas LiveCasts semanais todas as segundas-feiras às 21:30, hora de Lisboa. Estas transmissões em directo são posteriormente publicadas sob o formato de PodCast para que possas desfrutar deste conteúdo em alta-qualidade.

Ficam as bases lançadas para o grande ano de 2018, que na minha opinião vai cimentar ainda mais a posição da Xiaomi como grande fabricante de smartphones.

E tu, o que achaste dos novos smartphones? Poderão ter tanto sucesso como os seus antecessores em 2016 e 2017? Deixa-nos a tua opinião abaixo, nos comentários.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Huawei explora as pontes entre o cérebro humano e a Inteligência Artificial

HTC U12 – Será este o próximo Android sem bezels?

Passado e Futuro – O que esperar em 2018 depois dos Google Pixel 2?

FonteXiaomi

Aveirense de gema. Enfermeiro por vocação. Entusiasta de novas tecnologias e da sua aplicação no nosso dia-a-dia.
É fantástico este novo mundo da tecnologia. Sinto-me sortudo em partilhar convosco todas as notícias / rumores que agitam a blogosfera tecnológica.