Home Android

Xiaomi entra no Reino Unido com uma agressividade nunca vista

A Xiaomi entrou hoje de forma oficial a sua entrada no Reino Unido, contudo, se achas que esta informação é indiferente se vives em Portugal, enganas-te.

A agressividade da entrada da Xiaomi no Reino Unido é a prova que a marca está prestes a atacar forte o mercado europeu.

Vê ainda: Samsung também se prepara para lançar ecrãs com notches

Logo depois de ter deixado a sua marca em mercados como o Espanhol, Italiano e Francês, eis que a Xiaomi está pronta para enfrentar os tubarões no Reino Unido. Referi estes 3 países e não Portugal porque a marca conseguiu em pouquíssimo tempo depois de ter entrada em chegar ao TOP 5 no país.

Xiaomi Mi 8 Pro é o primeiro topo de gama a entrar no Reino Unido

Em Portugal a Xiaomi está a criar um impacto positivo. Contudo, o elevado valor dos smartphones numa loja física ainda faz com que os amantes da marca escolham retalhistas online. 

A Xiaomi levou para o Reino Unido uma quantidade enorme de produtos. Temos uma escova de dentes elétrica, purificadores de ar ou até a Mi TV. Contudo, os mais relevantes são a Mi Band 3, o Mi 8 Pro, o Redmi 6 e a sua trotinete elétrica. Todos estes produtos a um preço vantajoso para qualquer utilizador.

Para termos uma ideia mais concreta, os preços dos produtos serão os seguintes:

  • Mi Band 3 – 26.99£ (30.99€)
  • Mi 8 Pro – 499.99£ (572€)
  • Redmi 6 + Mi Band 3 – 99£ (113€)
  • Trotinete elétrica – 399£ (458€)

Ademais, a fabricante asiática lançou um concurso a todos os seus Mi Fãs na Terra de Sua Majestade. Quem tirar uma fotografia a um taxi alusivo à entrada da Xiaomi no Reino Unido e tagar a Xiaomi no Instagram fica habilitado a ganhar um concurso onde o vencedor terá a oportunidade de entrar na primeira loja da Xiaomi e durante 1 minuto poderá escolher tudo o que quiser trazer para casa sem pagar um tostão.

Uma campanha de marketing simplesmente genial. Ou seja, aqui vemos o quão a marca está agressiva na entrada no Reino Unido.

Em suma, a Xiaomi tem tudo para vencer, contudo, tudo dependerá da forma como aborda os clientes no país. O clientes no Grã-Bretanha estão habituados a comprar smartphones em contrato e pequenos gadgets a crédito. Veremos até que ponto é que a marca chinesa consegue boas parcerias para espalhar os seus produtos.

Editores 4gnews recomendam:

Google Fotos adiciona funcionalidade para que a App poupe a tua bateria

OnePlus Switch já te deixa migrar os dados de um Apple iPhone

Google Play Store: Microsoft Launcher 5.0 traz grandes novidades

Fundador do projeto 4gnews, sempre olhei para a tecnologia como um pedaço de nós. Desde cedo ligado ao mundo tecnológico, este é literalmente o meu trabalho de sonho. Amante de vinho e apaixonado pelo meu Vit. Guimarães, acredito ainda que todas as nossas acções são o gatilho para o nosso futuro.