WhatsApp

Durante a última semana, foram divulgados os números relativos aos utilizadores diários da funcionalidade Status do WhatsApp por parte do Facebook. E, mais uma vez, os resultados são surpreendentes.

Vê também: Samsung Galaxy J7 2017 vê as suas especificações serem reveladas

   

O Grupo Facebook revelou que são já 175 milhões de pessoas que usam essa funcionalidade que é, basicamente, mais uma imitação das Histórias do Snapchat. Contudo, tal como aconteceu no Instagram (vs. Snapchat), o Status do WhatsApp apresenta agora cerca de mais 15 milhões utilizadores diários que a mesma funcionalidade do concorrente.

No entanto, esse número é bastante pequeno quando olhamos mais a fundo para o número total de utilizadores dessa rede social, que se fixa em 1,2 mil milhões de pessoas – 1,2 biliões, em português do Brasil. Assim, há um potencial ainda maior, bastante mesmo, dado que os utilizadores de Status apenas representa cerca de 14,5% de toda a comunidade.

Para além disso, ao contrário da estratégia adotada por Evan Spiegel, atual CEO do Snapchat, o WhatsApp está disponível para todas as plataformas móveis, incluindo iOS, Android ou Windows 10 Mobile.

E desta aplicação qualquer um pode usufruir!

Finalmente, depois do Instagram, Messenger, Facebook e WhatsApp terem, literalmente, copiado as Histórias do Snapchat, pouco ou nada restará à rede social do pequeno fantasma para se tornar nisso mesmo. Isto é, numa miragem daquilo que foi a rede social que, em dado momento, teve todo o potencial para se tornar bem maior do que é hoje ou do que será.

Já agora, se és utilizador de WhatsApp, também usas o Status? Ainda tens o Snapchat instalado no teu smartphone? Deixa o teu veredicto nos comentários!

Outros assuntos relevantes:

O novo Motorola Moto Z2 Play vai ser ainda mais elegante

Samsung Galaxy Note 7R: Imagens confirmam Nougat e bateria mais pequena

Asus Zenfone 3 – decepcionante após 6 meses de uso

ViaMSPoweruser
FonteTechCrunch
Desde cedo comecei a interessar-me pelo que podia fazer no computador. Porém, a grande paixão surgiu com o primeiro telemóvel e complementou-se com os smartphones. Nada há a dizer, são simplesmente fantásticos e úteis em todo o tipo de situações.