Twitter reconhece fracasso, e acaba com funcionalidade pouco popular

Bruno Coelho
Comentar

Precisamos de recuar até à altura em que o Snapchat era uma rede social verdadeiramente popular, para nos lembrar da tendência que criaram. Conteúdos rápidos, que desaparecessem ao fim de 24 de horas.

Isso fez com que o Instagram copiasse a funcionalidade com as Stories, e outras redes sociais os seguiram. Recentemente também o Twitter o fez, com as Fleets, mas a medida revelou-se um fracasso.

Fleets vão desaparecer do Twitter a 3 de agosto

Agora, a rede social veio a público anunciar que vai mesmo matar as Fleets. O anúncio foi feito através de um tweet enigmático, anunciando que este segmento vai desaparecer do Twitter a partir de 3 de agosto.

We hoped Fleets would encourage more people to join the conversation, but that wasn’t the case. So we’re removing them and focusing on improving other parts of Twitter.

— Twitter Support (@TwitterSupport) 14 de julho de 2021

É realmente bom ver uma rede social a admitir que uma funcionalidade foi um fracasso, e a matá-la poucos meses após esta entrar em atividade. “Pedimos desculpa ou de nada”, escreveu a rede social em comunicado aos utilizadores.

“Esperávamos que as Fleets pudessem encorajar mais pessoas a juntarem-se à conversa, mas esse não foi o caso. Então vamos removê-las e focar-nos em melhorar outras partes do Twitter”, afirma a rede social.

Imediatamente a publicação encheu-se de comentários pouco desiludidos com a decisão do Twitter. “As cinco pessoas que usam as Fleets devem ficar desapontadas”, escreveu um utilizador. É o Twitter, mais uma vez, a mostrar que continua a ser uma das redes sociais com maior identidade.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.