Smartphones: Samsung domina a Europa, a Xiaomi e OPPO crescem cada vez mais

Filipe Alves
Comentar

Os analistas da Canalys deram-nos os seus relatórios do terceiro trimestre de 2020 para a Europa no segmento de smartphones e a Samsung continua a liderar.

Mais impressionante ainda é o crescimento da Xiaomi e OPPO. Escusado será dizer que a Huawei teve uma queda seriamente acentuada.

Samsung domina na Europa com 34% do mercado de smartphones

Smartphones europa Samsung, Apple, Xiaomi, Huawei e OPPO

Com uma cota de mercado de 34% a Samsung continua a liderar o mercado de smartphones na Europa. O crescimento de 3% não é formidável, porém, é sustentado nos trimestres anteriores.

Xiaomi smarpthones

Por sua vez, Apple e a Xiaomi dividem o segundo lugar. A Apple também teve um crescimento de 9%. Este crescimento deve-se, certamente, à venda do iPhone SE 2020. Vale a pena lembrar que os novos iPhone 12 ainda não entram neste gráfico.

A Xiaomi cresceu cerca de 91% face ao ano anterior. Um crescimento impressionante e que só vem comprovar que a Xiaomi está cada vez mais forte no mercado.

Huawei em queda forte

A Huawei perdeu um mercado considerável e domina agora cerca de 14%. Uma queda de 31% face ao ano passado. A isto deve-se à impossibilidade da marca oferecer serviços Google. A Europa é um Continente que utiliza Apps Google em abundância.

Vale a pena referir ainda o super crescimento da OPPO. Cerca de 396% face ao ano anterior. Ainda assim, temos de perceber que apenas é dona de 3% do mercado na Europa. Atenção que a OPPO apenas entrou na Europa de forma oficial este ano. Contudo, temos smartphones a preços bem convidativos.

Em suma, o mercado está competitivo e estamos seriamente curiosos para perceber como é que termina o ano. A Xiaomi tem tudo para chegar ao segundo lugar, todavia, os novos iPhone 12 já entrarão nas contas do próximo trimestre.

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.