Samsung pede desculpa pelo abrandamento intencional nos Galaxy S22

Rui Bacelar
Comentar

O atual CEO da Samsung, Jong-Hee Han veio a público pedir desculpas pelo escândalo dos serviços GOS na mais recente geração de smartphones Samsung Galaxy S22. A ocorrência deu-se durante uma reunião anual ordinária com os investidores da empresa.

Foi aí que o homem forte da Samsung mostrou o seu desagrado perante toda a situação, citando também as preocupações dos consumidores e utilizadores da gigante sul-coreana. Ademais, o executivo prometeu "ouvir mais atentamente os consumidores de modo a evitar que tal ocorrência possa voltar a suceder", avança a publicação sul-coreana Thelec.

Pedido de desculpas face ao escândalo dos GOS nos Galaxy S22

In context: Samsung landed in hot water recently after its latest flagship, the Galaxy S22, was discovered to be selectively throttling apps using Samsung’s Game Optimizing Service, while excluding other apps and benchmarking tools like those from Geekbench.#Samsung #GOS pic.twitter.com/NMcjNntnec

— Kuma William (@KumaWilliam1) 16 de março de 2022

Em causa está o recente escândalo com o GOS, ou seja, os Game Optimizations Service desenvolvidos pela Samsung para os mais recentes Galaxy S22, bem como os recentes tablets da empresa e, inclusive, alguns dos topos de gama de anos anteriores.

O serviço GOS foi criado com um bom propósito, o de equilibrar o desempenho com a autonomia de bateria e consumo energético. A sua premissa era a entrega do poder necessário para que os jogos corressem da melhor forma, usando o mínimo de energia.

Todavia, esta otimização aplicada pelos algoritmos de software foi além dos jogos, escopo a que se deveria limitar. Segundo as investigações, entretanto encetadas por vários terceiros, o GOS condicionava cerca de 10 mil aplicações.

Os serviços GOS diminuíam o desempenho em cerca de 10 mil apps

I hope GOS can bring lessons to Samsung. Smoothness and speed are the most basic guarantees for flagship phones. Why so many people choose the iPhone 13, because the iPhone lets them never worry about performance. Nobody likes a phone full of stuttering lag. Samsung, come on.

— Ice universe (@UniverseIce) 10 de março de 2022

O resultado? Um desempenho aquém do esperado para um flagship de 2022, um novo topo de gama equipado, respetivamente, com um novo processador repleto de tecnologia de ponta. Ou seja, na prática, o Exynos 2200 e os smartphones Samsung Galaxy S22 estavam longe de entregar todo o seu potencial ao consumidor.

Independentemente de os telefones serem extremamente rápidos, o simples facto de estarem a entregar algo menos que todo o seu potencial aos utilizadores foi o suficiente para gerar uma vaga de queixas a circular pela Internet. Algo que, aliás, atingiu a Samsung ao mais alto nível como o prova agora este pedido de desculpas pelo CEO da empresa.

As críticas subiram de tom quando os utilizadores perceberam que não havia forma de desativar estes serviços que diminuíam o desempenho do telefone em vários jogos. A Samsung foi acusada de diminuir propositadamente o desempenho dos Galaxy S22 para poder poupar na construção dos dispositivos móveis ao não ter que investir em sistemas de refrigeração tão eficazes.

A plataforma de testes Geekbench não tardou em banir os Galaxy S22

After extensive internal testing we have determined the following Samsung Galaxy handsets use GOS:- Samsung Galaxy S22 (all models)- Samsung Galaxy S21 (all models)- Samsung Galaxy S20 (all models)- Samsung Galaxy S10 (all models)

— Geekbench (@geekbench) 4 de março de 2022

A pltaforma de testes Geekbench acabou por banir até quatro gerações de topos de gama Samsung Galaxy S. Além disso, removeu também a gama Galaxy Tab S8 da sua plataforma de testes sintéticos ao ser detetada a presença dos serviços GOS.

Entretanto, a fabricante veio a público admitir o caso, admitindo a prática, lamentando algumas escolhas e definindo prioridades para o futuro.

Por fim, a Samsung já distribuiu uma importante atualização geral de software de sistema (firmware), tal como demos a conhecer na 4gnews, já disponível em Portugal.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. Ocupa-se com as novidades de tecnologia na 4gnews. Email: ruifbacelar@gmail.com