Samsung Galaxy A52 receberá a mesma bateria do Galaxy S20 FE

Carlos Oliveira
Comentar

O Samsung Galaxy A51 foi o smartphone mais popular da sul-coreana no primeiro trimestre de 2020, mas o seu sucessor teima em não ser revelado. Ainda sem sabermos quando o Galaxy A52 será apresentado, já sabemos com que bateria este contará.

Samsung Galaxy A52 com bateria de 4500mAh

Graças à passagem do Samsung Galaxy A52 pela entidade FCC, ficamos a saber que este virá com uma bateria de 4500mAh. A célula certificada é a mesma que a sul-coreana usou no também popular Galaxy S20 FE, no final do ano transato.

Apesar de utilizarem a mesma bateria, as velocidades de carregamento não serão idênticas. O próximo intermediário da Samsung ficar-se-á pelos 15W de velocidade de carregamento, contrariamente aos 25W do Galaxy S20 FE.

Galaxy A52

Esta decisão da Samsung é compreensível, visto que o Galaxy A52 será bem mais barato do que aquele que lhe emprestará a bateria. Aliás, os 15W de carregamento são uma visão comum nos intermediários da Samsung.

Especificações conhecidas do Samsung Galaxy A52

  • Processador Qualcomm Snapdragon 750G
  • Ecrã AMOLED de 6,5 polegadas Full-HD+
  • Bateria de 4500mAh
  • Carregamento rápido de 15W

Ainda existem muitos pormenores desconhecidos no que concerne ao Samsung Galaxy A52. Sabe-se que este terá uma versão compatível com redes 5G e outra apenas com 4G e que irá finalmente transitar para os processadores da Qualcomm.

Além do que hoje ficamos a saber acerca da sua bateria, não há muito mais que possamos avançar acerca deste intermediário. O Galaxy A52 tem-se mantido bastante discreto e isso não nos dá pistas sobre a data do seu lançamento.

Olhando para o que a Samsung costuma fazer neste segmento de mercado, o Galaxy A52 poderá ser um dos grandes sucessos do mercado em 2021. É sabido que os gama média são aqueles que mais vendem em todo o mundo, com a gama Galaxy A da Samsung a ser uma das grandes responsáveis por essa tendência.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.