Samsung poderá eliminar a gama Galaxy J já em 2019

Carlos Oliveira
Samsung Galaxy J
Irão os Galaxy J desaparecer do mercado?

A linha de smartphones Samsung Galaxy J é já uma das mais populares da empresa sul-coreana. Aqui podemos encontrar os equipamentos de gama de entrada da empresa, destinados àqueles que desejam um equipamento para tarefas básicas.

Ao longo dos últimos anos a Samsung tem vindo a aprimorar esta linha de smartphones. Estes têm ficado cada vez mais elegantes e com a natural evolução tecnológica cada vez mais competentes dentro do seu segmento.

Vê ainda: Google Chrome: As novidades de segurança são uma treta, sabe porquê!

Aliás, tendo por base os dados da AppBrain, os Samsung Galaxy J3 (2016) e J5 (2016) são os dois modelos mais vendidos em Portugal. Dados que espelham a confiança que os utilizadores nacionais depositam nesta linha de equipamentos.

Contudo, esta linha de smartphones poderá ter os dias contados. No seguimento das notícias de algumas modificações no portefólio da Samsung, surge agora a possibilidade de a linha Galaxy J desaparecer do mercado.

Samsung poderá eliminar os Galaxy J em favor de novas linhas

Quem avança com esta possibilidade é o leakster @MMDDJ_, afirmando que também os Galaxy C e On irão desaparecer do portefólio da empresa. As razões para esta decisão não são conhecidas, pelo que devemos deitar uma boa dose de sal nestas informações.

A linha J poderá ser assim substituída pelas novas linhas Galaxy R e P. É a mesma fonte que avança com a possibilidade de a Samsung introduzir no mercado estas duas novas linhas, sem referir em que segmento irão encaixar.

Tudo isto surge no seguimento dos rumores que dão conta de uma remodelação na linha A e ainda na junção da linha S com a Note. No primeiro caso, a sul-coreana poderá mudar ligeiramente a designação dos seus equipamentos.

Já no caso dos seus topos de gama, a linha Note poderá vir a desaparecer, juntando-se aos Galaxy S. Todavia, tal poderá não acontecer já em 2019. A Samsung poderá vir a aumentar ainda mais o diferencial de preços entre ambas antes de eliminar uma delas por completo.

Caso tudo isto se venha a confirmar, seria uma revolução total no portefólio mobile da tecnológica de Seul. Seriam muitas mudanças a ocorrer ao mesmo tempo, facto que nos impele a ter uma certa cautela na interpretação de tudo isto.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Qualcomm estará a desenvolver tecnologia concorrente à GPU Turbo

Nokia 9 poderá ser o topo de gama mais caro já lançado pela HMD Global

Xiaomi apresenta um novo smartwatch dedicado aos mais jovens

Fonte | Via

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.