O icónico logo da Apple na loja de S. Francisco / iPhone
O icónico logo da Apple na loja de S. Francisco

O iPhone é sem dúvida o smartphone mais popular nos últimos anos. Embora a Apple não nos dê mil e um modelos e puxe o preço dos equipamentos para um patamar alto, nada impede que as pessoas façam um esforço para ter um logo da maçã no bolso.

Este artigo parece que veio mesmo a calhar! Ainda ontem falei das Shop ROM’s e dos perigos que elas apresentam para a falta de privacidade do utilizador. Se até estavas com dúvidas sobre o assunto, este artigo é para ti!

Vê ainda: D€AL: Aproveita a mega promoção em smartphones Xiaomi

   

Foi apanhada uma rede na China que vendia informações dos utilizadores de iPhone para mercados obscuros. Desde de números de telefone, Apple ID’s, nomes dos utilizadores, entre outros, as informações eram vendidas por um grupo organizado que tinha acesso a servidores da Apple.

O iPhone é um dos smartphones mais seguros do mundo e mesmo assim…

Desde ex-funcionários a atuais funcionários Apple, esta rede vendeu informações a terceiros por valores arredondados nos 7 milhões de dólares.

Cada pedaço de informação tinha o seu valor concreto. Os preços começavam no 1.5€ por informações básicas e podiam chegar aos 11€ por informação completa do utilizador.

Os utilizadores prejudicados foram apenas na China, assim sendo, não precisas de te preocupar em mudar os dados no teu iPhone, pelo menos para já.

Ainda há uns tempos a Blu foi apanhada com situações idênticas. A fabricante de telefones enviada dados dos seus utilizadores para servidores na China onde posteriormente vendia a terceiros.

Mas o que fazem as empresas com os teus dados?

Quando o caso é sério, pode passar mesmo pelo roubo de identidade. Se o conseguirem fazer com sucesso, os burlões poderão abrir contas do banco, contas de crédito ou mesmo contratos telefónicos no teu nome. Em situações menos severas onde o teu email foi a única informação a ser “raptada”, poderás deparar-te com fishing emails. Estes emails aparentam ser do banco, Apple, Google ou outros, solicitando que introduzas os teus dados numa página que se parece esteticamente com o que estás à espera. Caso introduzas a tua informação, já era!

Dou-te um exemplo concreto. Há uns tempos recebi um email da HMRC (IRS do Reino Unido) indicando que tinha um valor a receber devido aos meus descontos. O email estava bem construído, encaminhava para uma página que se parecia com a HRMC, contudo, falhou em alguns aspectos.

Primeiro, pedia a minha conta do banco para alegadamente depositarem o dinheiro, as informações solicitadas era para levantarem dinheiro e não depositarem, depois a HMRC nunca comunica via email devido a esse mesmo problema.

Quanto aos burlões na China, foram todos apanhados, porém, este tipo de situações está longe de terminar. Assim sendo, vê o vídeo abaixo para te esclareceres um pouco sobre como guardares os teus dados em segurança.

Outros assuntos relevantes:

BlackBerry KEYone não sobrevive ao teste de JerryRigEverything

Honor 9: Dual-Câmara confirmada e uma foto já tirada!

OnePlus 5: Características, Preço e Expectativas para o próximo OnePlus

ViaThe Verge
FontehongkongFP

Fundador do projeto 4gnews, sempre olhei para a tecnologia como um pedaço de nós. Desde cedo ligado ao mundo tecnológico, este é literalmente o meu trabalho de sonho.
Amante de vinho e apaixonado pelo meu Vit. Guimarães, acredito ainda que todas as nossas acções são o gatilho para o nosso futuro.