Pixel 4: OnePlus faz troça do ecrã de 90Hz mas arrepende-se logo a seguir

António Guimarães
1 comentário

Recentemente, o ecrã de 90Hz dos Google Pixel 4 foi bastante criticado por baixar a taxa de atualização conforme o brilho. A suposta função Smooth Display não funciona de acordo com o conteúdo do ecrã. Na verdade reduz a taxa para 60Hz sempre que o brilho do ecrã está nos 75% ou abaixo disso.

Sendo a OnePlus a marca que popularizou os ecrãs de 90Hz em telemóveis não gaming, não resistiram a fazer uma publicação no Twitter a fazer troça da Google. Na imagem, a OnePlus descreve a taxa de atualização dos seus equipamentos em 90Hz sempre, independentemente do brilho.

oneplus
Tweet da OnePlus, entretanto apagado

Assim sendo, a OnePlus está a gabar-se de ter uma taxa de atualização constante nos seus telemóveis mais recentes, lançados este ano. São eles os OnePlus 7 e 7 Pro, OnePlus 7T e 7T Pro e ainda a McLaren Edition.

OnePlus apagou a publicação logo de seguida

O mais caricato é que a OnePlus apagou quase de imediato a publicação no Twitter. Contudo, tudo o que é publicado na internet raramente desaparece sendo que várias capturas de ecrã foram feitas.

Porque é que a OnePlus voltou atrás no seu "roast" à Google? Possívelmente porque os telemóveis OnePlus também não mantém uma taxa de atualização constante de 90Hz. A série OnePlus 7/7T não reduz a taxa conforme o brilho mas nem todo o conteúdo é apresentado em 90Hz.

Nem todas as aplicações suportam tal taxa de atualização. Assim sendo, a OnePlus provavelmente decidiu não chamar mais atenção ao assunto, apesar da crítica à Google ser legítima.

Editores 4gnews recomendam:

1 comentário
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.