Ao efetuar uma compra através dos links deste artigo, o 4gnews pode ganhar uma comissão. Conheça o nosso processo de seleção de produtos.

Nokia C20 em promoção por tempo limitado! Smartphone barato com Android GO

Bruno Coelho

Encontrar um smartphone barato para funcionalidades básicas é a preocupação de muitos utilizadores. E marcas como a Nokia, conseguem apresentar soluções neste sentido aos compradores.

O Nokia C20 chegou ao mercado em 2021 com um preço recomendado de 109 €. Mas por tempo limitado de 12 dias, podes comprá-lo por apenas 79,99 €. Isto configura-se numa poupança de 29,01 € (ou 27%).

Sabe mais sobre preços e envios do Nokia C20

Nokia C20

Por este preço, os utilizadores têm acesso a um smartphone equipado com Android 11 (edição Android Go). Esta versão chega ainda com 2 GB de memória RAM e 32 GB de armazenamento interno expansível via microSD.

Nokia C20 tem bateria de 3000mAh removível

O smartphone tem um ecrã IPS LCD de 6,52” polegadas com resolução de 720 por 1600 pixeis. É bom realçar que é comandado pelo processador Unisoc SC9863A. Podes esperar uma bateria de 3000mAh removível.

O smartphone conta com características muito adoradas pelos utilizadores, como entrada para jack 3,5 mm, ou Rádio FM e Bluetooth 4.2. A nível fotográfico conta com uma câmara principal de 5 MP, e uma câmara frontal de 5 MP.

Este é um smartphone focado em oferecer características básicas a utilizadores pouco exigentes. E conseguindo adquiri-lo por apenas 79,99 €, fica difícil pedir muito mais dentro destes valores modestos.

O smartphone é vendido e enviado pela própria Amazon, pelo que podes contar com três anos de garantia legais na União Europeia, e ainda portes grátis para Portugal. Caso tenhas dúvidas de como comprar na Amazon de Espanha, podes consultar o nosso guia dedicado.

Sabe mais sobre preços e envios do Nokia C20

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.