Netflix grátis? Cuidado com os falsos serviços de streaming!

Rui Bacelar
Comentar

Os serviços de streaming são o principal meio de consumo de filmes e series online. Entre as plataformas mais populares temos a Netflix, HBO Max, Disney+, bem como o Amazon Prime, entre outros, mas nenhum deles é grátis!

Porém, uma simples pesquisa Google revelará vários falsos serviços de streaming gratuito. Por muito tentador que seja a Netflix grátis, ou HBO grátis, não cedam a tal tentação.

Isto porque estas "gratuitidades" são também usadas para a propagação de malware, cujo objetivo passa recolher dados pessoais das vítimas, através de Adware. E, aqui, fazem-no sob o disfarce de serviços de streaming populares.

Em simultâneo, descarregam programas maliciosos em vez de uma aplicação de streaming. Desse modo, os utilizadores estão agora mais propensos a perder as suas contas, credenciais, e dados de pagamento.

Netflix foi a plataforma mais afetada nos primeiros 9 meses de 2022

NEtflix

A investigação divulgada agora pela Kaspersky aponta que sob a pretensa da Netflix grátis, estão a espalhar Trojans. Na prática, recolhendo dados pessoais das vítimas, mais do dobro da frequência do software indesejado, Adware.

Tal como referido supra, fazem-no sob o disfarce de serviços de streaming populares. Enquanto descarregam programas maliciosos em vez de uma aplicação de streaming. Assim, os utilizadores estão agora mais propensos a perder as suas contas, credenciais, e dados de pagamento.

Cuidado com as "ofertas" ao fazer scan de códigos QR

Ademais, os investigadores descobriram também um raro esquema de fraude, quando os criminosos informáticos oferecem aos utilizadores para digitalizar o código QR para ganhar uma subscrição anual do serviço de streamingmas em vez disso redirecionam-nos para uma página de phishing.

Para obter uma imagem clara de como é o atual cenário de ameaças relacionadas com o streaming, os peritos analisaram deteções de programas maliciosos e indesejados contendo os nomes das plataformas de streaming mais populares. Entre estas destacam-se a Netflix, HBO Max, Amazon Prime, Disney+ e Hulu, entre outras.

Procurando fontes alternativas para fazer o download de uma aplicação de streaming ou um episódio de um programa, os utilizadores enfrentaram vários tipos de malware. Aqui incluindo Trojans, spyware e backdoors, bem como adware.

Com efeito, em 2022, 35% dos utilizadores que enfrentaram ameaças sob o disfarce de plataformas de streaming foram afetados por Trojans.

Isto é mais do dobro do que o adware partilhado (15%), que se destinava a atirar anúncios indesejados para o ecrã. Ou seja, tal significa que fazendo o download de um programa de um sítio desconhecido, o utilizador tem agora muito mais probabilidades de perder dados pessoais, contas e dinheiro.

HBO Max e Disney+ (Plus) também são visadas

HBO Grátis

Mais ainda, entre as plataformas de streaming mais populares, os cibercriminosos eram mais ativos utilizando a Netflix. Aqui, quase 80% dos utilizadores que enfrentaram ameaças sob o disfarce de serviços de streaming estavam à procura de descarregar esta aplicação a partir de recursos não confiáveis.

Em comparação, o número de utilizadores que tentaram fazer o download de programas maliciosos ou indesejados sob o disfarce de Hulu, ou Disney+ é oito vezes inferior.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. Ocupa-se com a atualidade tecnológica na 4gnews. Email: ruibacelar@4gnews.pt