Motorola Razr: ecrã do smartphone começa a apresentar os primeiros problemas

Carlos Oliveira
Comentar

Esta parece ser a sina dos smartphones dobráveis. Depois dos relatos de exemplares do Galaxy Z Flip com ecrãs danificados, agora é a vez de vermos um testemunho semelhante para o Motorola Razr.

O caso é-nos apresentado por intermédio da publicação Inputmag. Um dos seus editores notou que o ecrã do seu Motorola Razr começou a descolar na zona da sua dobradiça.

Motorola Razr

Segundo o seu relato, o Razr em causa foi utilizado durante uma semana sem qualquer dano. Ademais, é reforçado que o smartphone nunca foi deixado cair ao chão nem foi apertado.

Ecrã do Motorola Razr começou a descolar sem razão aparente

Raymond Wong, da Inputmag, afirma que durante a manhã e a tarde de ontem o seu Motorola Razr estava em perfeitas condições. Aliás, Wong enviou uma foto do equipamento a um amigo e, nesse momento, tudo estava em perfeitas condições.

O inesperado aconteceu depois de uma viagem de 45 minutos entre o bairro de Queens e Manhattan, em Nova Iorque. Quando ele retirou o Motorola Razr do bolso notou que a parte de cima do ecrã estava a descolar-se.

Motorola Razr

Infelizmente, os danos não são meramente cosméticos. Ele nota que o Razr deixou de responder aos toques feitos naquela parte do ecrã. O restante deste componente continua a funcionar perfeitamente.

Mudanças de temperatura podem ser causa do problema

Ninguém pode afirmar com certezas qual a causa da descolagem do ecrã do Motorola Razr, mas o autor deste relato aponta uma possível razão. Para ele, as abruptas mudanças de temperatura podem estar na origem do problema.

Motorola Razr

No seu testemunho, pode ler-se que o Motorola Razr em questão foi usado ao ar livre, com temperaturas a rondar -1Cº. Posteriormente, Raymond Wong usou-o em casa, num ambiente bem mais quente e foi depois de voltar a expor o smartphone a temperaturas baixas que o dano se verificou.

Até ao momento, a Motorola não fez nenhum comentário face a este acontecimento Para já, este é um problema isolado, mas nada nos garante que se a experiência for repetida não tenhamos o mesmo resultado.

Em todo o caso, estes relatos começam a instaurar um certo receio entre os consumidores face à durabilidade deste tipo de equipamentos. Esperemos que este tenha sido efetivamente um acontecimento isolado.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.