LG_LOGO_NEW

De acordo com o jornal Korea Herald (fonte), a LG pretende anunciar o seu próximo flagship ou topo-de-gama, o LG G4, já no final de Abril. Desta forma a marca sul-coreana irá contra-atacar a sua arqui-rival e conterrânea Samsung, evitando cair no esquecimento ao lançar o seu novo produto cerca de duas semanas após os novos Galaxy serem comercializados globalmente.

Segundo consta, o LG G4 terá um ecrã de 5.5 polegadas com resolução 1440×2560 pixels, com uma ligeira curvatura para facilizar a ergonomia e uso com uma mão. Ainda hoje vimos algumas fotos deste do suposto LG G4 que, pelos vistos, terá um painel traseiro com uma textura ligeiramente áspera, obviamente para não escorregar da mão dado o seu considerável tamanho.

   

Tirando estas pequenas mudanças, o LG G4 terá um design bastante familiar, o que poderá desagradar a vários fãs e utilizadores da marca. Sinceramente, um flagship deve ter uma construção metálica, sendo o vidro e o metal um par perfeito mas isto é a minha opinião.

No lado reverso da moeda, ao optar por um design mais conservador e materiais mais baratos como o plástico, a LG poderá reduzir o custo de produção do LG G4 e, possivelmente, tornando o dispositivo mais barato que os restantes concorrentes cuja etiqueta vai atingindo valores irrisórios.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Este LG G4 está a atrair muitas atenções e de acordo com alguns analistas de mercado coreanos, da Kiwoom Securities Co, estimam que poderão ser vendidas cerca de 15 milhões de unidades deste dispositivo, sendo bem mais optimistas que os seus colegas da Korea Investment & Securities Co que tinha apontado 9,2 milhões de unidades vendidas durante este ano.

Como se portará o  LG G4 face a um Samsung Galaxy S6, que surpreendeu em design e um HTC One M9 que mantém uma fórmula vencedora.

Após o anúncio do LG G Flex 2 o mundo ficou entusiasmado e expectaste pelas próximas novidades da marca sul-coreana e, numa nota pessoal, também eu aguardo com curiosidade este LG G4.

Talvez queiras ver:

 

Diz o que tens em mente nos comentários abaixo. E que tal ajudares um projeto Português? Sabe mais

Queres ser nosso amigo? Segue-nos nos meios de comunicação.