John Oliver e o the “Last Week Tonight” é um dos meus programas favoritos da televisão Americana. Para além de bastante entertainer e com uma boa dose de sarcasmo, John Oliver e a HBO retratam problemas atuais de uma forma que poucos tem coragem.

Depois de muito ter atacado Donald Trump nas legislativas que deu a bilionário o lugar mais poderoso do mundo, John olhou nesta semana para um problema que a Samsung teve em 2016.

   

Vê ainda: Benchmark revela especificações da próxima placa gráfica de topo da AMD!

Depois das explosões do Samsung Galaxy Note 7 e dos recalls das suas máquinas de secar, estranho achei quando dele não vinha nada.

Demorou mas falou! O programa desta semana atacou, mais uma vez de forma sarcástica, os problemas da Samsung no passado.

Note 7 depois da explosão

Num sketch “publicitário” inventado pela equipa de “Last Week Tonight”, a “Samsung falou” sobre os seus problemas explosivos e pediu desculpa de forma caricata.

Claro que, como é óbvio, o sketch atacou de forma forte as explosões nos seus terminais e basicamente todos os gadgets onde a sul-coreana tem um forte envolvimento no público americano.

Depois do desaire do Samsung Galaxy Note 7, a Samsung subiu ao palco na MWC para falar um pouco sobre a segurança nos seus equipamentos e os reforços que fez para que tal não volte a acontecer.

Com o Samsung Galaxy S8 à porta, este sketch é tudo o que a Samsung não queria ver viral, mas a verdade é que esta “publicidade” é boa demais para ser ignorada e se percebes Inglês acabarás por soltar umas boas gargalhadas ao longo do vídeo.

Agora falando um pouco mais sério. A Samsung tem nas mãos um dos momentos mais importantes da sua história. Voltar a ganhar a confiança dos utilizadores não será fácil, contudo, acredito que seja possível.

Outros assuntos relevantes:

Irá a Samsung abolir o sensor de impressões digitais dos seus equipamentos?

Samsung Galaxy S8 e Galaxy S8+ voltam a ser fotografados

AnTuTu: Top 10 smartphones com melhor relação valor/preço em fevereiro de 2017