Jogadores de Fortnite estão insatisfeitos com nova adição ao jogo

António Guimarães
Comentar

A Epic Games adicionou recentemente ao Fortnite as unidades B.R.U.T.E. Estes são robots mecânicos bastante poderosos pois conseguem saltar grandes distâncias, lançam mísseis e possuem uma larga quantidade de vida.

Esta adição foi feita para ajudar os jogadores a conseguirem mais vitórias no jogo. No entanto o feedback da comunidade está a ser bastante negativa pois os robots são demasiado poderosos e estão a tornar o jogo injusto para quem não os utiliza.

No Twitter já se amontoam os comentários negativos, incluindo de alguns streamers do jogo. DanTDM, por exemplo, afirma que é impossível derrotar uma máquina que dispara 10 misséis e consegue destruir jogadores e edifícios em meros segundos.

I don’t think the amount of kills they are getting is the issue, it’s HOW they get them. There is no way to play against one that fires ten missiles at you over and over again. The first 5 destroy the builds, the next 5 destroy the player.

— DanTDM💎 (@dantdm) 15 de agosto de 2019

A Epic Games justificou dizendo que o jogo fica mais equilibrado

Apesar das respostas negativas, a Epic Games continua firme na sua decisão de manter as máquinas super poderosas no jogo. Contudo, nos modos competitivos, a existência das unidades B.R.U.T.E é mais limitada.

"A nossa missão no Fortnite é equilibrar o jogo para todos os jogadores de diferentes capacidades, para que todos possam ganhar", afirmou a Epic Games aquando do anúncio da inclusão das máquinas.

É um discurso bonito mas tratando-se de um jogo competitivo, os B.R.U.T.E representam uma óbvia vantagem que será explorada por jogadores menos experientes. A solução para esta situação será reduzir o poder das máquinas para que o jogo se torne mais equilibrado mas para já, o jogo vai se manter como está.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.