JBL revela headphones que carregam com painéis solares e tem "bateria ilimitada"

Filipe Alves
Comentar

A JBL revelou em crowdfunding uns novos headphones que vão dar que falar. Isto porque os headphones carregam com painéis solares para te dar, dizem eles, "bateria ilimitada".

A JBL refere que os headphones conseguem carregar totalmente em menos de 3 horas com exposição solar. Apontou ainda que não precisas de Sol para que os headphones carreguem. Isto porque a tecnologia aproveita-se ainda de energia artificial para o carregamento.

Estes são os headphones da JBL com painéis solares

No vídeo não conseguimos ver que os headphones contam com painéis no topo. Porém, esta é a ideologia. Este tipo de gagdet é perfeito para desportistas que gostem de dar as suas corridas matinais e vivem num local onde o Sol não é um problema.

Ainda assim, como disse a JBL, não precisas de Sol para os carregares. Presumindo que a luminosidade chega para carregar os headphones, tens aqui bateria ilimitada, como fala a marca.

O que mais oferecem os headphones

JBL headphones com painéis solares

Os headphones sem fios parecem confortáveis e ocupam o exterior da tua orelha. Poderás atender chamadas com o gadget e ainda terás a possibilidade de os conectar com a Google Assistant ou Alexa. Uma vantagem para todos aqueles que preferem "falar" para executar tarefas.

Qual o preço dos novos JBL com painéis solares

JBL headphones com painéis solares

Os headphones chegarão ao mercado por 148€. Porém, podes antecipar-te na compra pela Indegogo por apenas 89€. Toma em atenção que apostar em crowdfunding é sempre um risco. Mesmo quando se fala de marcas reconhecidas como a JBL. Os headphones estão disponíveis para entrega em outubro de 2020.

Estou seriamente entusiasmado para ver este tipo de headphones. Esperemos ainda que faça com que os concorrentes sigam as pisadas.

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.