iPhone 14 Pro e 14 Pro Max: tempo de espera pelos smartphones Apple aumenta

Mónica Marques
Comentar

O tempo de espera para receber os novos iPhone 14 Pro e 14 Pro Max está a aumentar de forma significativa.

Em Portugal, o tempo estimado de espera é de cinco semanas, mas na China há utilizadores que podem receber o iPhone 14 Pro Max só em 2023.

Procura pelos modelos Pro do iPhone 14 leva a, pelo menos, cinco semanas de espera para a entrega

iPhone 14 Pro Max
Em Portugal, o tempo de espera para receber um modelo Pro do iPhone 14 é de cinco semanas Crédito@Apple

Os dados de mercado revelaram desde cedo que os utilizadores preferem, de longe, os novos iPhone 14 Pro e 14 Pro Max em detrimento dos modelos base, apesar dos custos elevados envolvidos.

Mas a procura pelos modelos Pro do iPhone 14 está a levar a um aumento no tempo de espera para receber os novos equipamentos. Por exemplo em Portugal, se encomendarmos hoje um dos modelos Pro só o vamos receber daqui a cinco semanas. Mas há mercados em que a situação está pior.

Na China, quem encomendar agora o iPhone 14 Pro só o recebe a partir de dia 27 de dezembro e se passarmos para o iPhone 14 Pro Max o período de espera estende-se até 3 de janeiro de 2023. Sim, só em 2023 é que se recebe o modelo mais avançado da Apple.

O caso muda (totalmente) de figura quando se encomenda um modelo não Pro. Tanto na China como em Portugal, o iPhone 14 e o iPhone 14 Plus implicam apenas dois dias de espera para os recebermos nas nossas mãos.

Mas não é apenas a procura elevada pelos modelos Pro que está a levar a estes tempos de espera.

No final de outubro, a capacidade de produção da principal fábrica de produção do iPhone 14 Pro e 14 Pro Max, em Zhengzhou, na China, foi afetada devido a um surto de Covid-19 que implicou um confinamento obrigatório e a uma suspensão da linha de produção.

Obviamente que tal teve consequência que estão agora a refletir-se nas entregas dos equipamentos Pro. Recorde-se que a Foxconn em Zhengzhou produz cerca de 70% dos iPhones enviados para todas as regiões do mundo.

Entretanto, a Apple está já a trabalhar com os seus fornecedores no sentido de restaurar os níveis normais de produção da mais recente série de smartphones da marca.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira. Email:monicamarques@4gnews.pt